Você está lendo:
CGE disponibiliza aos órgãos acesso em tempo real ao controle de despesas
0

CGE disponibiliza aos órgãos acesso em tempo real ao controle de despesas

by Radio Tangarásetembro 13, 2016
Medida será viabilizada em articulação com a Secretaria de Estado de Gestão.

dsc00852

A fim de contribuir para a redução de despesas de custeio e de pessoal, estabelecida no Decreto Estadual n. 675/2016, a Controladoria Geral do Estado (CGE-MT) vai disponibilizar aos órgãos do Governo de Mato Grosso acesso ao Monitoramento Inteligente de Riscos e Auditoria (Mira).

Trata-se de uma ferramenta de tecnologia da informação concebida inicialmente para uso exclusivo dos auditores do Estado. A medida será viabilizada em articulação com a Secretaria de Estado de Gestão (Seges) em face da necessidade de ação planejada para garantir o equilíbrio das contas públicas, em atendimento à Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

O assunto foi deliberado nesta segunda-feira (12.09) em reunião entre o secretário-controlador geral do Estado, Ciro Rodolpho Gonçalves, o secretário de Estado de Gestão, Júlio Modesto, auditores do Estado (CGE) e técnicos da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz) e da Seges.

A ideia é que todas as secretarias do Estado acompanhem o comportamento dos gastos públicos no exato momento em que ocorrem (em tempo real), com painel de monitoramento dos indicadores gerenciais que permitam análises comparativas e subsidiem a adoção de medidas para redução das despesas.

Para tanto, o acesso será disponibilizado aos servidores responsáveis pelo gerenciamento das despesas de custeio nos respectivos órgãos e, também, aos gestores das Unidades Setoriais de Controle Interno (Uniseci), que são extensão da CGE em cada secretaria. “A ferramenta atende muito a necessidade de garantirmos o cumprimento do Decreto (n. 675/2016)”, disse o secretário de Estado de Gestão, Júlio Modesto.

O Mira é uma unidade da CGE de produção de informações estratégicas apoiada em tecnologia da informação e inteligência de negócios para monitorar em tempo real temas sensíveis à administração pública. Os primeiros paineis desenvolvidos no Mira foram de despesas gerais e de folha de pagamento.

Mas a Controladoria está desenvolvendo novos paineis eletrônicos, específicos sobre gastos com combustível e telefonia fixa de todas as secretarias do Governo de Mato Grosso, bem como sobre manutenção das escolas estaduais.

A medida deve-se à representatividade financeira dessas despesas. Os gastos com combustíveis somaram R$ 63,6 milhões; com telefonia, R$ 17,8 milhões e manutenção das escolas R$ 78,9 milhões no ano de 2015.

O painel sobre gastos com combustível, por exemplo, vai manter visual de relatórios dinâmicos e precisos dos abastecimentos por órgão, por tipo de veículo oficial, por ano, por posto, por condutor, por placa etc.

O projeto Mira foi desenvolvido por auditores do Estado e analistas administrativos da CGE com perfil em tecnologia da informação e teve como principal ferramenta um software de código livre (licenciamento gratuito), ou seja, independente e sem custos para o Estado.

About The Author
Radio Tangará