Você está lendo:
CIB terá reunião extraordinária para tratar assistência social nos municípios

CIB terá reunião extraordinária para tratar assistência social nos municípios

img_2151_cib

Integrantes da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) participam no próximo dia 18 de outubro de uma reunião extraordinária da instância. Coordenada pela Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas), a instância discute e pactua os aprimoramentos da política de assistência social dos 141 municípios de Mato Grosso.

A coordenação geral da CIB fica a cargo de Valdiney de Arruda, titular da Setas. “Esse é um espaço excelente para que o Estado como um todo se una em prol da melhoria da estruturação e execução das políticas de assistência social. Essa união de todos os representantes municipais e a aproximação com o Governo do Estado é essencial”, disse o gestor.

A CIB é composta pela Secretaria Adjunta de Assistência Social da Setas e pelo Colegiado Estadual de Gestores Municipais da Assistência Social (Coegemas). Gestores municipais de assistência social e entidades como a Associação das Primeiras Damas do Estado (APDM) e Conselho Estadual de Assistência Social (Ceas) são convidados a participar.

Da reunião extraordinária, participarão somente os membros efetivos da comissão, como a Setas e representantes dos portes municipais, que estão ligados ao Coegemas. Entre eles, gestores dos municípios de Sinop, Rondonópolis, Primavera do Leste, Diamantino, Tangará da Serra, Juína, Apiacás, Acorizal, Ipiranga do Norte e Brasnorte.

“Este é um fórum constituído por representantes indicados pelo Executivo Estadual e por gestores municipais. Neste âmbito, conseguimos pactuar assuntos relevantes para a proteção social dos mato-grossenses e, consequentemente, para o desenvolvimento do Estado como um todo”, explica a secretária adjunta de Assistência Social, Marilê Ferreira.

Reuniões

Os encontros da Comissão são realizados bimestralmente. A composição da CIB toma como regra os portes populacionais dos municípios, divididos entre pequeno porte I e II, médio e grande porte. São municípios de grande porte aqueles com população acima de 100 mil habitantes: Cuiabá, Várzea Grande, Sinop e Rondonópolis.