Você está lendo:
Corinthians domina, faz golaço e garante tri do Mundial Sub-17 em Madri

Corinthians domina, faz golaço e garante tri do Mundial Sub-17 em Madri

Fabrício abre o placar logo aos seis minutos, Léo Jabá encobre goleiro no segundo tempo, e Antonio sela vitória no último lance contra Atlético Nacional, da Colômbia.

Sem tomar conhecimento do adversário, o Corinthians conquistou seu terceiro título do Mundial de Clubes Sub-17 neste domingo. Diante do Atlético Nacional, da Colômbia, venceu por 3 a 0, em Madri, gols de Fabricio, Léo Jabá, numa linda finalização por cobertura, e Antonio. O meia Matheus Pereira ainda levou o prêmio de melhor jogador do campeonato.

O Corinthians não deixou o Atlético Nacional respirar no primeiro tempo. Logo aos cinco minutos, Fabricio arriscou de fora da área. O goleiro João Orosco fez a defesa e evitou o primeiro gol. O meia abriu o placar logo depois, aos seis, subindo sozinho na pequena área para aproveitar cruzamento da esquerda de Hurick. A intensidade do time comandado por Márcio Zanardi, não diminuiu e, ainda antes do intervalo, o Timão teve mais três chances de ampliar.

Corinthians campeão Mundial de Clubes Sub-17 (Foto: Cassio Barco)Base corintiana com o troféu de campeão do Mundial de Clubes Sub-17 (Foto: Cassio Barco)

Na volta do vestiário, o Corinthians manteve o ritmo. Mas o Atlético ao menos trocou a ineficiência por uma vontade maior de vencer. Sinisterra tentou criar jogadas pelas pontas e chegou a assustar a zaga corintiana por duas vezes.

Mas foi Orosco que trabalhou mais ainda no segundo tempo. O camisa 1 do time colombiano evitou o gol de Jabá duas vezes seguidas e ainda assistiu à bola bater no travessão em uma bomba de Matheus Pereira da entrada da área.

Aos 34, não teve jeito. Léo Jabá roubou a bola no ataque, avançou e tocou por cobertura, na saída desesperada do goleiro, ampliando a vantagem do Timão. No último lance, Antonio selou a vitória, garantindo o tri.

 

Tem algo a dizer sobre essa matéria?