Você está lendo:
CPI da Copa faz 23 requerimentos para relatórios e ouvir testemunhas
0

CPI da Copa faz 23 requerimentos para relatórios e ouvir testemunhas

by newsmtmarço 31, 2015

Na primeira reunião da CPI do VLT e das Obras da Copa, nesta terça (31), foram votados 23 requerimentos para aquisição de relatórios e documentos de todas as obras, bem como a convocação de testemunhas para colher informações técnicas. Além disso, foram anunciadas três sub-relatorias que irão ajudar no relatório final, sendo divididas em eixos de investigação. O intuito é dar celeridade à Comissão.

Com isso, a relatoria sob Mauro Savi (PR) terá subsídio das sub-relatorias que foram divididas entre os membros Wagner Ramos (PR), Silvano Amaral (PMDB) e Dilmar Dal Bosco (DEM). O republicano será responsável pelo primeiro eixo da investigação, que focará nos projetos básicos, executivos e pagamentos dos mesmos. Já no segundo eixo, o peemedebista analisará os contratos e licitações. E no último eixo da apuração, o democrata cuidará da execução e fiscalização das obras da Copa. A presidência da CPI é comandada por Oscar Bezerra (PSB).

Segundo o socialista, as investigações da CPI, que envolvem as 56 obras da Copa, também contam com o subsídio da investigação de outros órgãos fiscalizadores, como Ministério Público Federal, Ministério Público Estadual, Tribunal de Contas do Estado, a Controladoria-Geral da União e Controladoria-Geral do Estado. O parlamentar lembra que foram investidos mais de R$ 3 bilhões de recursos públicos para a realização destas obras e que, diante da constatação da falta de qualidade, é preciso investigar com subsídios técnicos.

Por isso, Oscar solicitou junto à Assembleia a contratação de consultores técnico jurídico e de administração, assessores jurídicos e de comissão, secretário de serviços gerais, assistente de imprensa, engenheiros civis, elétricos e de cálculo, engenheiro sanitarista e ambiental, bem como uma empresa de perícia contábil. “Para que tenhamos estes embasamentos técnicos para os trabalhos da CPI”.

Requerimentos

Os requerimentos solicitam em um prazo de 72 horas, a partir da notificação, que forneçam todos os documentos referentes às obras da Copa em Cuiabá. Os solicitados foram CGU, CGE, MPF, MPE, TCE, Tribunal de Contas da União, Superintendência da Caixa Econômica de Mato Grosso, Crea, Planservi, extinta Secopa e Assembleia. Neste sentido, o deputado Dilmar pediu também dois encaminhamentos sendo o custo total da Secopa/Agecopa e contratos com custo da compra dos vagões do VLT.

As testemunhas que serão convocadas são o secretário da CGE, Ciro Rodolpho Gonçalves; os auditores do Estado, Nilva Isabel da Rosa, Silvio Leite de Barros Filho, Leonardo Cândido Moreira, Marcelo Zavan e José Celso Dorileo Leite; Gustavo Oliveira do Gabinete de Projetos Estratégicos; o promotor de Justiça, Clóvis de Almeida Junior; o procurador da República em Mato Grosso, Guilherme Fernandes; e o presidente do Crea, Juares Silveira Samaniego.

A CPI espera colher as informações técnicas e de testemunhas que apuraram irregularidades nas obras da Copa, para depois realizar oitivas com os ex- gestores Silval Barbosa (PMDB) e Maurício Guimarães, ex-governador e ex-secretário da Secopa, respectivamente. (Com Assessoria)

Fonte: RD News

Publicada por: Hueliton Mendes

About The Author
newsmt

Tem algo a dizer sobre essa matéria?