Você está lendo:
Estado vai triturar 17 mil veículos abandonados no pátio do Detran

Estado vai triturar 17 mil veículos abandonados no pátio do Detran

Essa é a primeira vez que o órgão estadual adota o processo de reciclagem

Dos 25 mil veículos parados nos pátios do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT), em todo o Mato Grosso, 17 mil vão passar pelo processo de reciclagem este ano. A ação é uma forma de reduzir o número de carros abandonados, bem como evitar que sejam leiloados como sucata.Essa é a primeira vez que o órgão estadual adota o processo de reciclagem, que segundo Rogério Borges Cardoso, advogado do Detran, já é considerado um sucesso em outros estados, como no Rio Grande do Sul.

Segundo Rogério, a portaria publicada em Diário Oficial reflete a necessidade imediata da limpeza dos pátios, tendo em vista a superlotação e até mesmo para cumprir políticas de saúde pública.

Foram estabelecidas algumas condições para que esses veículos fossem selecionados, tal como a impossibilidade de circulação, seja por tempo de permanência no órgão, ou até mesmo por questões de segurança e administrativa.

Ao Diário, Rogério explicou que muitos desses veículos seriam leiloados como sucata, porém, para evitar que as peças fossem utilizadas em outros carros e até mesmo que eles voltem a trafegar, foi decidido pela reciclagem.

“Após serem declarados inservíveis, os veículos serão descaracterizados e a documentação tem baixa na mesma hora”, acrescentou o advogado. Os donos dos veículos serão notificados sobre o procedimento.

Após a descaracterização, é feita a descontaminação, atendendo normas ambientais, evitando assim, a contaminação do solo, por exemplo. Em seguida, os carros são prensados, para evitar que alguma peça possa ser utilizada novamente.

Por fim, em uma siderúrgica, acontece o trituramento, que retoma a matéria prima, como plásticos, metal e outros. “A diferença dessa ação, é o processo de reciclagem em quatro processos”, lembrou.

Os veículos que não forem passar por essa ação, vão continuar aptos para serem leiloados normalmente. O Detran espera que o procedimento seja realizado ainda neste ano, porém, O Diário foi informado de que não há uma data especifica para acontecer.

YURI RAMIRES
DO DIÁRIO DE CUIABÁ

Tem algo a dizer sobre essa matéria?