Você está lendo:
Execução de estudante de Medicina causa revolta em cidade
0

Execução de estudante de Medicina causa revolta em cidade

by newsmtdezembro 29, 2014

O comércio e a Câmara declararam luto pelo falecimento do rapaz; ladrões confessaram o crime

O velório e o sepultamento do estudante de Medicina Eric Francio Severo, 21 anos, vítima de latrocínio, foi marcado por comoção e revolta dos familiares, amigos e moradores do município de Sinop (500 km ao Norte de Cuiabá).

O corpo foi velado no Memorial Luz, durante a manhã desta segunda-feira (29).

Centenas de amigos e colegas do jovem apoiaram os familiares que estão inconsoláveis, conforme informações do site Só Notícias.

Apesar de estudar em Santa Catarina, o jovem cresceu em Sinop e deixa pai, mãe e um irmão.

O comércio e até a Câmara de Vereadores do Município declararam luto pelo falecimento do rapaz , inclusive, os parlamentares suspenderam o expediente  hoje. Além disso, uma missa em homenagem ao estudante foi celebrada na matriz Santo Antonio.

O crime chocou até o delegado municipal de Polícia Civil, Sérgio Ribeiro, que esteve à frente das equipes de buscas desde sábado (27), quando o estudante desapareceu.

Em entrevista coletiva, o delegado não escondeu sua revolta com relação à “atitude covarde” dos dois bandidos que sequestraram o jovem para roubar sua caminhonete S10 e, já em posse do veículo, assassinaram o estudante e esconderam o corpo.

O delegado criticou ainda as leis “brandas”, pois, para ele, é necessário mudanças na legislação para crimes de latrocínio (roubo seguido de morte), com possibilidade de prisão perpétua.

Em nome da família, a prima do estudante, Rayane Francio, agradeceu as manifestações de milhares de pessoas nas redes sociais. Ela aproveitou para pedir orações, calma e paz à família.

“Encontraram nosso Eric… Porém, sua alma já está no conforto e no colo do nosso Senhor Jesus Cristo. Peço a todos muita oração nesse momento pra confortar o coração da nossa família que tanto sofre, principalmente, os pais dele e o Icaro. E peço delicadamente que não sufoquem de perguntas todos nós. Apenas compreendam e aguardem mais notícias. Precisamos de calma e paz nesse momento tão delicado”, disse, em rede social.

O sepultamento do jovem ocorreu no início da tarde de hoje.

Entenda o caso

O jovem Eric Francio Severo estava desaparecido desde sábado, quando foi rendido por Márcio Marciano Batista, 30 anos, e Rafael Bruno dos Santos Mussuco, 25 anos, quando saía de uma festa. Eles confessaram a autoria do assassinato.

Os bandidos roubaram a caminhonete S-10 branca, que era de propriedade do pai dele, o publicitário e advogado Leonildo Severo, e seguiram sentido Campo Grande (MS).

Eles foram detidos na manhã de domingo (28) na cidade. Inicialmente, negaram o assassinato de Eric e informaram que o estudante havia ficado em Sinop.

A confissão só ocorreu após a esposa de um dos bandidos ser detida para prestar esclarecimento. O corpo do estudante foi encontrado a cerca de 200 km da cidade.

Os ladrões foram presos na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac), na Vila Piratininga, em Campo Grane.

Além da prisão, a polícia recuperou a caminhonete e encontrou uma arma de fogo e alguns metros de corda.

O veículo tinha como destino o Paraguai, onde seria vendido para a compra de droga.

Leia mais sobre o assunto:

Polícia prende dupla que confessa ter matado estudante em Sinop

Corpo de estudante desaparecido é encontrado a 200 Km de Sinop

Fonte: KARINE MIRANDA
About The Author
newsmt

Tem algo a dizer sobre essa matéria?