Você está lendo:
Governo firma acordo interinstitucional de segurança com a Bolívia
0

Governo firma acordo interinstitucional de segurança com a Bolívia

by Radio Tangaránovembro 8, 2016

d20e14a1b4c5a136cb126948e638ccde4e3085c49adad4ee000a4369

O Governo de Mato Grosso firmou um acordo interinstitucional com o Governo boliviano que visa integrar as equipes de inteligência e as forças policias dos dois países para reforçar a segurança na faixa de fronteira. A assinatura do termo foi realizada na tarde desta segunda-feira (07.11), entre o governador Pedro Taques, e o embaixador da Bolívia no Brasil, José Franco, no Palácio Paiaguás, em Cuiabá.

Durante todo o dia, uma equipe esteve reunida com representantes do Ministério da Defesa da Bolívia, Exército Brasileiro, Polícia Federal (PF) e Polícia Rodoviária Federal (PRF) para definir os termos do acordo. O grupo foi formado pelos secretários de Estado de Segurança Pública, Rogers Jarbas; da Casa Militar, Airton Siqueira; de Desenvolvimento Regional, Antônio Carlos; e de Assuntos Internacionais, Rita Chiletto, além dos prefeitos de Cáceres, Francis Maris, e de San Matias, Fabio Lopes Olivares.

O documento assinado entre os dois países conta com sete pontos para melhorar diversos aspectos da segurança na região. O secretário de Estado de Segurança Pública, Roger Jarbas, destacou que o compromisso conta com ações práticas que irão começar imediatamente em três frentes: preventivas, proativas e repressivas.

 

“Nós já estamos desenvolvendo processos de ação cooperada, ou seja, nós faremos ações em conjunto, dentro da Bolívia e dentro do Brasil. Nós teremos um canal de comunicação e de produção de conhecimento com os setores de inteligência dos dois países. E isso é muito importante, porque nós teremos condições de avançar tanto no combate ao crime organizado, como os delitos conexos relacionados ao tráfico de drogas, como furto, roubos de veículos e homicídios que giram entorno do tráfico”.

Segundo o secretário, um dos principais objetivos do acordo é a praticidade nas ações para o enfrentamento direto do problema. “O interesse maior aqui é o público, o interesse entre estes dois povos que são os mais afetados com os problemas na região. Mas, é claro que isso gerará benefícios para cidades e estados distantes, porque o tráfico não ocorre apenas em um local. Se tivermos condições de combatê-lo com maior conhecimento, nós iremos melhorar a sensação de segurança para diversos locais”.

O embaixador da Bolívia no Brasil, José Franco, destacou a importância do acordo entre as duas nações, que vai melhorar a qualidade de vida da população. “Este acordo vai fazer com que a nossa gente viva tranquila, viva melhor, tenha menos temor de viver na região. Além disso, também tratamos de outros temas como infraestrutura, integração e como melhorar o comércio entre as regiões, que trará mais desenvolvimento para as duas nações”.

About The Author
Radio Tangará