Você está lendo:
IRÔNICO: 'Queda na poupança mostra que Dilma é uma guerrilheira'
0

IRÔNICO: 'Queda na poupança mostra que Dilma é uma guerrilheira'

by newsmtjaneiro 11, 2016

O aumento do desemprego e a queda na renda estão fazendo com que os brasileiros deixem de aplicar na caderneta de poupança. O investimento encerrou 2015 com a primeira perda de recursos depositados em 10 anos. Os saques superaram os depósitos em R$ 53,6 bilhões no ano passado, informou nesta sexta-feira (8) o Banco Central (BC).

No ano passado, a caderneta rendeu 8,07%, patamar abaixo dos principais índices de preços ao consumidor, que superaram 10% em 2015. De acordo com especialistas ouvidos pela Folha de S. Paulo dessa sexta (8), a previsão é que a fuga de recursos da poupança deva se repetir em 2016.

Para o deputado federal Nilson Leitão (PSDB-MT), o resultado é uma “soma de fatores” que demonstram o “completo despreparo” da gestão da presidente Dilma Rousseff. “A fuga da poupança reflete a total falta de crédito do governo. Os brasileiros deixam de aplicar por medo de perder o pouco que têm, ou seja, pela falta de confiança no governo”, afirmou.

A perda de aplicações foi um dos fatores que contribuíram para a crise do setor imobiliário no ano passado. O governo chegou a liberar cerca de R$ 30 bilhões para aumentar os recursos disponíveis para crédito, mas os financiamentos caíram cerca de 20%.

O tucano citou ainda que, pressionados pela inflação alta e recorde de juros, o cenário de “caos” atinge em cheio os brasileiros. “O governo do PT chegou ao fim. A queda na poupança mostra que Dilma não é uma presidente, é uma guerrilheira, que não se importa com o que está acontecendo com a população”, afirmou.

Fonte: Assessoria PSDB

About The Author
newsmt