Você está lendo:
Luverdense vira sobre a Portuguesa e assume 2º lugar na Série B
0

Luverdense vira sobre a Portuguesa e assume 2º lugar na Série B

by newsmtagosto 6, 2014

O time de Lucas do Rio Verde saiu atrás, mas com 3 gols 7 conseguiu a virada

O Luverdense é o novo vice-líder da Série B. Ao menos por enquanto. A equipe de Mato Grosso venceu a Portuguesa de virada por 3 a 1 na noite desta terça-feira, em jogo que abriu a 15ª rodada, no Passo das Emas, e assumiu temporariamente a segunda posição da tabela.

O time de Lucas do Rio Verde saiu atrás, mas com três gols marcados em apenas sete minutos conseguiu a virada diante da Portuguesa, que contou com a estreia do técnico Silas.

Com o resultado, o Luverdense chega a 27 pontos e agora seca o América-MG – que joga na sexta – para permanecer na vice-liderança ao final desta rodada. Já a Portuguesa segue estacionada na vice-lanterna, com apenas 12 pontos.

Fases do jogo: O 0 a 0 do primeiro tempo ficou barato. Luverdense e Portuguesa fizeram um duelo bastante movimentado e o placar só não foi aberto por detalhes. Primeiro foi Rafael Santos quem fez milagre em chute cruzado de Reinaldo. Depois, Serginho, sozinho, perdeu gol cara a cara com Gabriel Leite, finalizando para fora. “As oportunidades que nós tivermos temos que matar”, disse Marcos Assunção na saída para o intervalo.

Mas foi o Luverdense quem voltou do intervalo criando chances, e muitas. Duas cara a cara só em três minutos, com Reinaldo e Samuel. Mas aí, entrou em ação o ditado mais famoso do futebol: quem não faz, toma. Jocinei soltou a bomba em rebote de escanteio e marcou um golaço. 1 a 0. Porém, aos 23min, o time da casa enfim começou a acertar o gol. Washington empatou em cobrança de falta, Jean Patrick virou em jogada individual e Rubinho, também de falta, fez o terceiro. Tudo em sete minutos.

O melhor: Washington. Foi dele o gol que iniciou a reação do Luverdense, que até então criava, mas não conseguia balançar as redes. Depois disso o time se soltou e marcou mais dois.

O pior: Brinner. Assim como todo setor defensivo da Portuguesa, foi mal e permitiu muitas chances ao time do Luverdense, que só não fez mais pela falta de pontaria.

Chave do jogo: Pontaria. Foi o que faltou ao Luverdense até os 23min do segundo tempo. O time criou chances de gol durante todo o jogo, mas só na metade final da segunda etapa começou a aproveitá-las. Assim veio a virada.

Toque dos técnicos: As substituições do técnico Júnior Rocha no começo do segundo tempo deram resultado. O time, que estava com três zagueiros, ficou mais ofensivo, e logo veio o resultado. Três gols em sete minutos. Já Silas bem que tentou, mas ainda não conseguiu arrumar a Portuguesa, até por se tratar ainda de seu primeiro jogo no comando.

Para lembrar:

Jogo histórico. Foi a primeira vez que Portuguesa e Luverdense se enfrentaram em toda a história.

Feriado. A terça-feira é de feriado em Lucas do Rio Verde por conta do aniversário de 26 anos de emancipação política e administrativa.

DM. Jussandro, lateral da Portuguesa, torceu o tornozelo no início do segundo tempo e foi para o vestiário – gritando de dor – mais cedo.

LUVERDENSE-MT 3×1 PORTUGUESA-SP

Local: Estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde-MT
Data: 05/08/2014 (terça-feira)
Árbitro: Pablo dos Santos Alves-ES
Assistentes: Fabiano da Silva Ramires-ES e Vanderson Antônio Zanotti-ES
Cartões amarelos: Braga e Carlão (Luverdense); Jean Mota e Serginho (Portuguesa)
Gols: Jocinei, aos 13min, Washington, aos 23min, Jean Patrick, aos 26min e Rubinho, aos 29min do segundo tempo

LUVERDENSE
Gabriel Leite; Renato (Michel Bertasso), Zé Roberto, Braga (Montoya) e Paulinho; Carlão, Jean Patrick, Washington e Samuel (Rubinho); Misael e Reinaldo
Técnico: Júnior Rocha

PORTUGUESA
Rafael Santos; Arnaldo, Brinner, Diego Augusto e Jussandro (Jean Mota); Maycon, Marcos Assunção (Bryan Aldave) e Jocinei; Marcelinho, Wéverton (Luciano Castán) e Serginho
Técnico: Silas

About The Author
newsmt

Tem algo a dizer sobre essa matéria?