Você está lendo:
MT tem primeira mulher no comando das seis penitenciárias
0

MT tem primeira mulher no comando das seis penitenciárias

by newsmtfevereiro 2, 2015

Nenhum outro estado tem uma mulher a frente do sistema prisional

O Governo de Mato Grosso nomeou a servidora Flávia Emanuelle de Souza Soares para assumir o cargo de superintendente de Penitenciárias da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh).

Com apenas 33 anos, é a primeira mulher a ascender ao posto, e o ineditismo se dá também em âmbito nacional. Nenhuma outra estrutura organizacional de diferente ente federativo contemplou, em cargo semelhante, uma servidora à frente de função análoga.

Responsável pela gestão das seis penitenciárias estaduais, do Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC), do Centro de Custódia da Capital (CCC), da Escola Penitenciária, da Central de Monitoramento, da Gerência de Saúde e da Gerência de Infraestrutura da Sejudh, Flávia atua no Governo Estadual há 10 anos, quando ingressou via concurso público.

De um total de 9.634 recuperandos ocupando as vagas do Sistema Penitenciário de Mato Grosso (Sispen-MT), mais da metade estão sob sua responsabilidade: 5.205. São 1.785 na Penitenciária Central do Estado (PCE); 14 no CCC; 715 no CRC; 170 na Penitenciária Feminina; 1.194 na Penitenciária de Rondonópolis; 780 na Penitenciária de Sinop (mais 75 no anexo feminino); 452 na Penitenciária de Água Boa (mais 13 no anexo feminino) e cinco na Colônia Agrícola-Palmares.

A superintendente explica que neste primeiro momento ela está tomando traçando objetivos e metas junto a sua equipe, formado por diretores, gerentes, coordenadores e demais servidores que compõe o quadro de funcionários. “Agora é hora de conhecer a realidade da Superintendência, alinhar a equipe, conhecer a estrutura e principalmente ouvir os servidores”.

Fonte: Mídia News

About The Author
newsmt

Tem algo a dizer sobre essa matéria?