Você está lendo:
Não há desculpa para deixar de pagar contas por conta da greve bancária
0

Não há desculpa para deixar de pagar contas por conta da greve bancária

by newsmtoutubro 6, 2015

A partir desta terça-feira (06), quem precisar de serviços de banco, em alguns bancos irão se deparar com a frente do prédio cheio de cartazes com a seguinte frase “GREVE”. Mas a greve dos bancários não pode ser desculpa para deixar de pagar as contas em dia.

O Procon Estadual orienta que os clientes devem contatar os fornecedores de produtos e serviços para buscar outras formas de pagamento para os boletos de aluguel, condomínio, luz, telefone e fatura de cartão de crédito.

Todos os bancos devem estarem com pelo menos 30% do atendimento ativo, os caixas eletrônicos deverão estarem funcionando normalmente, para saque.

De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, o cliente deve se comunicar com o fornecedor para obter a segunda via do documento utilizando a Internet, fax ou e-mail. Senão, corre o risco de ter de arcar com multas decorrentes da falta da quitação da dívida.

Uma alternativa é recorrer às agências lotéricas. Nelas, é possível pagar contas de concessionárias públicas, como luz, água e telefone, vencidas ou não.

Outras possibilidades

Caixas eletrônicos: são úteis para a realização de pagamentos em geral e transferências de recursos.

Mobile banking: é preciso baixar o aplicativo da instituição no celular ou no tablet, a partir do site do banco ou de lojas virtuais. O serviço disponível varia conforme o banco e o relacionamento com o cliente, mas, em geral, permite consultar saldos, extratos e contas de investimentos e pagar títulos via débito direto autorizado.

Por telefone: o cliente pode consultar saldo e fatura do cartão de crédito e pagar contas essenciais (água, luz, telefone, gás), imposto e taxas.

Internet banking: clientes podem fazer consultas de saldo, extratos e investimentos, pagamentos de contas, transferências, solicitação de talão de cheques, pedido de empréstimos e recarga de celular.

Correspondentes bancários: estão espalhados em todo o país em supermercados, casas lotéricas e postos dos Correios. As casas lotéricas, por exemplo, funcionam durante o horário comercial.

Salários e benefícios: caso a agência do cliente esteja fechada, ele pode se dirigir a casas lotéricas e postos dos Correios.

Fonte: Redação com TGA Oline

About The Author
newsmt