Você está lendo:
Nova Ubiratã: Morre em Sorriso o trabalhador que teve os pés decepados por colheitadeira
0

Nova Ubiratã: Morre em Sorriso o trabalhador que teve os pés decepados por colheitadeira

by newsmtjulho 18, 2015

O trabalhador rural Geraldo Idemar Janissek, de 54 anos, que ficou gravemente ferido na manhã de terça-feira (14), após sofrer um acidente de trabalho com uma colheitadeira a 60 quilômetros do município de Nova Ubiratã, morreu nesta sexta-feira no Hospital Regional de Sorriso para onde havia sido levado logo após o acidente devido à gravidade dos ferimentos que se complicou ainda mais devido a problemas de diabete.

As informações apuradas dão conta de que a vítima realizava a colheita de milho quando ao tentar efetuar uma limpeza na máquina, acabou enroscando na corrente que recolhe os grãos, tendo os dois pés decepados.

Como estava sozinho na lavoura, a vítima fez um torniquete na perna, com a própria camisa e dirigiu a máquina até à sede da fazenda. Em seguida ele foi socorrido e conduzido ao Pronto Atendimento da Nova Ubiratã.

A equipe que realizou os primeiros atendimentos havia informado que a vítima teve as pernas esmagadas e a reimplantação dos membros seria quase impossível.

Por Kassu:  lamentamos a morte do amigo Geraldo

Geraldo e família residiam no distrito de Serra Dourada município de Canarana e em 1996 quando mudaram para a região de Sorriso eu que transportei a sua mudança. Homem humilde e excelente profissional. Foi uma grande perda. A família nossas condolências.

O  acidente de trabalho foi registrado na manhã desta terça-feira (14) na Fazenda São Judas Tadeu, á 60 km do município de Nova Ubiratã, deixou um operador de máquinas de 54 anos gravemente ferido.

Segundo informações repassadas por colegas de trabalho, o acidente ocorreu enquanto a vitima, identificada como Geraldo Idemar Janissek,  que realizava a colheita de milho, tentou efetuar a limpeza da plataforma da máquina, momento em que acabou se enroscando na corrente que faz o recolhimento de grãos.

O trabalhador teria conseguido se segurar na lateral da máquina, mas teve os dois pés decepados na altura do fêmur.

Mesmo ferido o operador conseguiu fazer um torniquete com a própria camiseta e estancar o sangramento,  em seguida Geraldo ainda conseguiu subir na máquina e desligar o equipamento.

Como estava sozinho na lavoura, a vitima teve que dirigir um trator por cerca de 04 quilômetros até chegar a sede da fazenda onde foi socorrido e encaminhado ao Pronto Atendimento de Nova Ubiratã.

De acordo com o secretário adjunto de saúde, Silvio Stolfo, devido a gravidade dos ferimentos o paciente foi encaminhado com urgência para o Hospital Regional de Sorriso.

“Apesar da gravidade dos ferimentos ele estava consciente e conversando com a equipe médica, que agiu rápido e com a ajuda da nossa viatura de atendimento avançado ele foi encaminhado com urgência para o Hospital Regional de Sorriso”, afirmou o profissional que ainda afirmou ser difícil a reimplantação dos membros.

“Um dos trabalhadores retornou a fazenda e recolheu os pés da vitima que ainda estavam na lavoura, porém devido o trauma sofrido, acredito que não exista a possibilidade de uma cirurgia de reimplantação, as pernas dele foram literalmente esmagadas pela máquina”, lamentou.

Fonte: Redação com Nortão Noticias/Clodoeste Kassu
About The Author
newsmt