Você está lendo:
NOVA UBIRATÃ: NANA COBRA DO EXECUTIVO COPIAS DE NOTAS FISCAIS E ALVARÁ DE FUNCIONAMENTO DE EMPRESA
0

NOVA UBIRATÃ: NANA COBRA DO EXECUTIVO COPIAS DE NOTAS FISCAIS E ALVARÁ DE FUNCIONAMENTO DE EMPRESA

by newsmtagosto 12, 2015

Durante a sessão da Câmara de vereadores de Nova Ubiratã, na ultima sexta-feira, dia 07 de agosto, o vereador, Leonildo Antônio do PV, cobrou do Poder Executivo, através de requerimentos, as copias de notas fiscais e alvará de funcionamento de uma empresa, que segundo, o parlamentar, é a pontada pelo Tribunal de contas do Estado (TCE), no ano de 2014, referentes às contas do executivo do ano de 2013.

O vereador quer saber onde esta instalada a mesma, e que tipo de serviços são prestado para a Prefeitura de Nova Ubiratã, até porque, no parecer do Tribunal de contas, de 2013, apurado in loco pelos auditores, não localizaram a mesma no endereço indicado da empresa.

“De acordo com Nana, no endereço onde esta a empresa, CETER ESPECIALIZAÇÃO EM RADIODIAGNOSTICO EIRELI-ME, havia um escritório de Despachante, no qual, o vereador e sócio proprietário a mais de dois anos e meio”. O fato que esta chamando a atenção, é que a empresa referida, ainda continua recebendo recursos públicos através da Secretaria Municipal de Saúde.

Outro pedido solicitado pelo vereador através de requerimento é as copias dos documentos pessoais dos pacientes que fizeram cirurgia na, CLINICA DE CIRURGIA PLASTICA DR SERGIO EVANGELISTA LTDA-ME. O vereador busca saber quais foram os motivos que levaram a Prefeitura a abrir uma licitação direta com a empresa, sendo que o Município faz parte do CONSORCIO TELES PIRES, e poderia ter licitado pelo consórcio junto com as demais cidades que fazem parte, consequentemente, baixando os valores das cirurgias, até porque, será em grande quantidade.

“Nana disse ainda, que nas contas de 2014, onde já se tem o parecer neste ano de 2015, o Tribunal de contas do Estado apontou conforme analise técnica, que o executivo cumpriu os limites constitucionais ao aplicar os recursos na área de Saúde”. Por outro lado, considerando-se, os indicadores das politicas publicas de Saúde, constatou-se, que houve uma queda nos índices obtidos, apresentando deficiência na gestão governamental.

O vereador ressaltou que a baixa não foi por ausência de recursos financeiros, porque foram aplicados 32,09% dos impostos no setor de Saúde do município. “Nana disse ter certeza”, que o executivo não terá problemas nos envio dos documentos, até porque, o Prefeito Valdenir Jose dos Santos, sempre que faz uso da palavra, deixa bem claro que sua gestão e de total transparência com os recursos públicos, dessa feita, facilita para que nós possamos desempenhar nossa função, que é de fiscalizar, criar leis e exigir que elas sejam cumpridas pelo executivo. Finalizou o vereador Nana.

Fonte: Redação

About The Author
newsmt