Você está lendo:
Paixão virtual leva homem a morar em aeroporto por uma semana no TO

Paixão virtual leva homem a morar em aeroporto por uma semana no TO

Ele saiu de SC para conhecer a namorada em Palmas, mas se surpreendeu

O promotor de vendas, José Antônio Dias Parada, de 44 anos, fez uma loucura por amor e chegou a morar por uma semana no aeroporto Brigadeiro Lysias Rodrigues, em Palmas. Ele desembarcou na última quinta-feira (18), após sair de Florianópolis (SC) e chegou ao Tocantins apenas com a passagem de ida, sem dinheiro para voltar. O promotor de vendas pretendia fazer uma surpresa para a namorada virtual, ‘Milena’, de 19 anos, que ele diz ter conhecido em um aplicativo de celular. Mas nesta quinta-feira (25), ele que foi surpreendido: descobriu que a moça é na verdade uma adolescente de 15 anos.

A decisão de viajar para Palmas aconteceu depois de algumas tentativas frustradas do casal, que segundo Parada queria se encontrar pessoalmente. De acordo com o homem, em conversas anteriores, a moça teria prometido que lhe pagaria a passagem de volta. “Não tenho dinheiro para voltar a Florianópolis”, explicou.

Ao chegar em Palmas, no entanto, Milena teria informado por telefone que estava na França, cuidando de uma tia acidentada. Ele conta que achou a conversa estranha porque a ligação foi feita de um número com o código 63, do Tocantins.

O promotor acreditava que a pouca idade da moça era o motivo pelo qual o encontro não havia acontecido. Milena teria dito que tem 19 anos e que os pais dela eram contrários à relação, por causa da diferença de idade do casal.

Nessa quinta-feira, no entanto, a verdade foi descoberta. Em entrevista à CBN Tocantins, os pais da jovem deram a própria versão dos fatos. Vivendo no interior do estado, sem computador e acesso à internet, eles disseram que desconheciam a história e ficaram surpresos ao descobrí-la. “Para mim isso é uma brincadeira. Estou surpreso mesmo. Não é do nosso alcance, nunca, jamais”, disse o pai.

Eles ainda informaram que Milena tem apenas 15 anos e disseram que a partir de agora vão ficar mais atentos com o uso que a filha faz do celular.

Já Milena nega a história contada pelo promotor de vendas, apesar de confirmar que tem um perfil no aplicativo, no qual utiliza a foto da irmã mais velha. “Eu não conheço ele e nem na lista de amigos eu tinha esse homem.”

Surpreso também ficou Parada, ao descobrir por telefone que a jovem havia mentido sobre a idade e sobre a cidade em que mora. Segundo o homem, apesar de conhecer a jovem há pouco tempo, os dois tinham uma relação intensa e faziam planos juntos. “Ela dizia que queria casar e ter filhos comigo”, conta.

Ainda por telefone, ele pediu desculpas ao pai da adolescente. Desiludido com desfecho, ele decidiu voltar para casa, mas precisou de ajuda para conseguir a passagem de volta. O promotor de vendas estava se mantendo com o auxílio de pessoas que trabalham no aeroporto e que o apelidaram de “Hóspede do Aeroporto”.

Esequias Araújo/Jornal do Tocantins

Desiludido com namoro virtual, Parada diz que só quer voltar para casa

Sensibilizados com a história dele, os funcionários arrecadaram R$ 206 para ajudá-lo a voltar para casa. Foi com esse dinheiro que Parada garantiu uma passagem de ônibus para fazer o percurso São Paulo-Flórianópolis.

Contudo, para sair de Palmas e chegar até São Paulo, o promotor de vendas contou com a ajuda do prefeito de Santa Rita do Tocantins, Arthur Caires Maia (PSD) que doou uma passagem de ônibus. Ele deve chegar na cidade na noite desta sexta-feira (26).

Parada diz que a partir de agora não quer mais saber de relacionamentos virtuais. “Serei mais cuidadoso. Aprendi a lição e só quero conhecer pessoas reais”, finaliza.

Fonte: DO G1

Tem algo a dizer sobre essa matéria?