Você está lendo:
Polícia de Nova Ubiratã fecha cerco contra o traficante Claudecir Cardoso de Sousa
0

Polícia de Nova Ubiratã fecha cerco contra o traficante Claudecir Cardoso de Sousa

by newsmtfevereiro 2, 2016

Terminou por volta das 20h00 da ultima segunda-feira (01) a “caçada” ao traficante Claudecir Cardoso de Sousa, de 22 anos. Ele estava foragido da policia apos ter conseguido escapar de um cerco policial.

Conforme as informações do site Ubiratã 24 horas, o suspeito foi localizado pela Policia Militar em um prostíbulo, situado na Rua Grande do Sul, no centro de Nova Ubiratã.

A prisão só foi possível porque uma policial se disfarçou de ‘garota de programa’ e ligou para o telefone do suspeito oferecendo ajuda.

No período noturno a policial voltou a conversar com o traficante, “fala onde cê tá véio que eu vou te buscar com um chegado meu”, disse em uma das conversas.

Sem perceber que falava com uma policial o criminoso aceitou a ajuda e após muita insistência entregou sua localização

Para evitar uma nova tentativa de fuga foi montado um forte aparato de segurança, policiais á paisana, usando veículos descaracterizados, cercaram a boate que rapidamente foi invadida.

Ao perceber que havia sido enganado o criminoso ainda tentou fugir mas foi perseguido e preso, uma garota de programa suspeita de ter dado apoio ao criminoso foi detida.

Durante depoimento o suspeito demonstrou frieza, irônico afirmou que vive do tráfico, “rapaz eu não sei e nem consigo trabalhar, minha vida é essa, assim que eu sair da prisão vou voltar a vender drogas”, confiante na morosidade de justiça brasileira, respondeu.

O criminoso apresentava várias lesões no pé provenientes da fuga, segundo ele causadas por mordidas de cachorros. “Quando eu pulei ‘um dos muro’ os cachorro da mulher me atacou”, jutificou.

Participaram da operação os policiais, SGT Sanches e Ildo, Cabos Marcelo e David, e os Soldados Diogo, Lorrayne e Eduardo.

Vale ressaltar que deles apenas dois estavam de serviço, já o restante interromperam suas folgas e durante todo o dia mantiveram as buscas pelo criminoso.

“O grande diferencial do policial do interior é a união, aqui nós estamos atentos e á disposição 24 horas”, enfatizou o Comandante do 1º Pelotão Sargento Sanches.

“Nós temos filhos e como todo pai e mãe não queremos que eles vivam no mesmo espaço desses marginais”, pontuou a soldado PM Lorrayne.

1 3 4

Fonte: Com Ubiratã 24 horas

Fotos: Ubiratã 24 Horas

About The Author
newsmt