Você está lendo:
Presidente da Câmara Claudir Rizzo questiona salário de secretários
0

Presidente da Câmara Claudir Rizzo questiona salário de secretários

by newsmtsetembro 24, 2014

Secretario tem que fazer por merecer pelo salario que recebe

Claudir Rizzo: “não concordo com uma situação dessas, já que muitas vezes trabalhadores braçais, inclusive do Parque de Máquinas da Prefeitura, não tem nem dinheiro para se alimentar direito”.

O vereador presidente da Câmara de Nova Ubiratã, Claudir Rizzo (PDT), questiona alguns secretários municipais pelo que ganham e pelo pouco trabalho prestado a sociedade.

“Não concordo com uma situação dessas, já que muitas vezes trabalhadores braçais, da Prefeitura, não têm nem dinheiro para se alimentar direito e garantir o conforto da família”. Enquanto secretários municipais pintam e bordão com autos salários, telefones e carros, tudo isso por conta do município, e qual é o retorno que a população tem, questiona o presidente.

A partir de agora vou cobrar mais agilidade dos secretários, a população esta certa em cobrar, e já começou com vaias e xingamentos a secretários, tem que fazer merecer pelo salario que ganha, tem que tirar o pé do chão ou abrir mão do cargo que esta e deixar com que outras pessoas mostrem sua competência, afirma Claudir Rizzo.

“MEU LEMA AQUI NA CÂMARA É DEMOCRACIA, TRANSPARÊNCIA E PROFISSIONALISMO”. NÃO VOU CONFUNDIR AMIZADE COM   PROFISSIONAL.

Claudir disse ao site acontecenewsmt que não vai confundir amizade com trabalho, meu lema aqui na câmara de vereadores como vereador e presidente é a democracia, transparência e profissionalismo.

Sempre estive nas assembleias como opositor sofrendo agressões físicas e verbais e nunca me omiti. Nas ultimas eleições entendi que Nova Ubiratã tinha que ter mudanças e mudei de grupo, infelizmente meu grupo saiu vitorioso nas urnas, mas ao passar do tempo às coisas foi mudando de direção e não aceito que faça o povo de besta, sou certo.

Posso até errar na minha vida pessoal, mas como politico, homem publico, não aceito erro e nem maracutaias, por isso que deixei o grupo que esta administrando o município, não faço mais parte da base aliada e infelizmente essa decisão esta custando muito caro, vou a luta e nunca vou abandonar o povo que em minha pessoa confiou em depositar o seu voto.

Sei que estou enfrentando forças poderosas, mas isso não me intimida e espero o apoio da população, porque pertenço a ela. “Sempre defendi nesta casa os interesses da nossa gente, sempre lutei pelo desenvolvimento de Nova Ubiratã, nunca quis privilegiar A, B ou C, meus pleitos sempre são em função do povo que aqui me colocou e que é a razão da Cidade”, disse.

Fonte: Hueliton Mendes/Rádio Tangará

 

About The Author
newsmt

Tem algo a dizer sobre essa matéria?