Você está lendo:
Presidente da câmara de Santa Rita do Trivelato é afastado por compra de apoio em eleição em MT
0

Presidente da câmara de Santa Rita do Trivelato é afastado por compra de apoio em eleição em MT

by newsmtjulho 14, 2015

O presidente da câmara de Santa Rita do Trivelato, Leomário Taborda, foi afastado pela justiça, após ser acusado pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso (MPE/MT) de compra de apoio para ser o líder da casa. A decisão é da juíza da Segunda Vara da Comarca de Nova Mutum, Myrian Pavan.

Além do afastamento a magistrada ainda determinou a indisponibilidade de bens no valor de R$ 48mil. Segundo Pavan, o processo atende a todos os princípios para deferimento de qualquer tutela de urgência. O documento foi acatado parcialmente. O afastamento do vereador e ex-presidente Ito Pires de Camargo foi recusado.

Entretanto, os dois envolvidos foram intimados a apresentar defesa em 15 dias. Como noticiado anteriormente pelo Nortão Notícias, Leomário teria comprado a presidência pelo valor de R$ 48 mil a serem quitados em 24 parcelas de R$ 2 mil.

O promotor lembrou que o valor a ser pago, mensalmente, corresponde a mais de 50% do salário de um vereador daquele município.

O promotor Leandro Volochko, que elaborou o processo, disse que os suspeitos alegaram que as promissórias emitidas se referem a um veículo negociado entre os parlamentares. O carro custa aproximadamente R$ 34,1 mil, o valor negociado seria de R$ 48 mil, ou seja, R$ 14 mil a mais do valor médio. Algo que levou à desconfiança por parte do MPE.

“Convém destacar que o veículo descrito como objeto do negócio, qual seja,veículo Voyage, cor preta, placa NPC-6183, ano 2014, possui um preço médio de R$ 34.120,00, conforme Tabela FIPE, ou seja, o negócio acaso fosse verídico não seria vantajoso ao requerido Leomário, que iria pagar uma diferença de aproximadamente R$ 14.000,00 a mais”, ressaltou.

Fonte: Redação com Nortão Noticias

 

About The Author
newsmt