Você está lendo:
PRF apreende 425 quilos de drogas em rodovias federais de MT
0

PRF apreende 425 quilos de drogas em rodovias federais de MT

by newsmtnovembro 11, 2014

Cocaína e maconha eram levadas para outros estados, camufladas em caminhão e automóvel

No último domingo (9), policiais rodoviários federais apreenderam 425 quilos de entorpecentes – entre maconha e pasta-base de cocaína –, na rodovias federais de Mato Grosso.

A última apreensão ocorreu por volta de 15h30, na BR-364, em Alto Garças (357 km ao Sul de Cuiabá), onde, policiais rodoviários federais apreenderam 31 tabletes de cocaína, que estavam escondidos num Toyota Corolla com placas do Espírito Santo.

A localização do carregamento da droga ocorreu durante fiscalização de rotina. Os patrulheiros pararam o automóvel, que era conduzido por um rapaz de 22 anos, que, ao ser abordado, mostrou-se nervoso e contraditório.

Ao realizarem revista no interior do veículo, os policiais localizaram 31 tabletes – entre pasta-base e cocaína pura.

Aos policiais, o motorista disse que receberia R$ 5.000,00 para transportar a droga, de Cuiabá até o Estado do Espírito Santo.

O rapaz e o carregamento da cocaína foram levados à Delegacia Municipal de Alto Garças. Ele foi preso sob suspeita de tráfico de entorpecentes.

Maconha

Um carregamento maior foi apreendido na madrugada de domingo, na BR-070, onde um motorista de caminhão foi preso quando transportava de 395 quilos de maconha, distribuídos em 400 tabletes.

O carregamento de entorpecentes estava camuflado numa carga de peças de motocicletas, que chegavam em Cuiabá.

Ele disse aos policiais que receberia R$ 40 mil pelo transporte.

Além da droga, os policiais apreenderam duas espingardas calibre 12 e um revólver calibre 38, dentro da cabine.

Uma das suspeitas é que as armas também faziam parte da encomenda.

Conforme os policiais, eles faziam uma abordagem de rotina e, na checagem da carga, localizaram cerca os tabletes de maconha.

O carregamento foi pego em Guaíra (PR) e seria entregue para traficantes em Ariquemes (RO).

ADILSON ROSA/MIDIA NEWS

About The Author
newsmt

Tem algo a dizer sobre essa matéria?