Você está lendo:
Quadrilha explode agência bancária e arromba caixa eletrônico
0

Quadrilha explode agência bancária e arromba caixa eletrônico

by newsmtoutubro 29, 2014

Polícia ainda não tem pistas dos sete assaltantes

Sete assaltantes explodiram a agência do Banco do Brasil da cidade de Ribeirãozinho (a 627 km ao Leste de Cuiabá) para ter acesso a um dos caixas eletrônicos.

A ação ocorreu na madrugada desta terça-feira (28), por volta das 3 horas.

A explosão foi tão forte que parte do teto e uma parede da agência foram para os ares.

Segundo a polícia, os ladrões colocaram as “bananas” de dinamite em volta da parede e aguardaram a explosão para entrar.

Os bandidos retiraram todo o dinheiro de apenas um dos caixas. O outro, que estaria praticamente vazio, não foi alvo dos criminosos.

Ribeirãozinho.net

Assaltantes usaram “bananas” de dinamite para explodir parede de agência

Na fuga, a quadrilha disparou tiros para o alto, como forma de intimidar policiais ou mesmo alguma pessoa que passasse pelo local.

Pela quantidade de bandidos, a polícia trabalha com a informação de que mais de um veículo teria sido usado na fuga.

No local, os PMs apreenderam cápsulas de espingarda calibre 12 e  pistolas ponto 40 e 9 mm, confirmando a variedade de armamento do bando.

A gerência deverá aguardar os trabalhos dos peritos do Instituto de Criminalística para saber se as imagens do circuito interno de segurança foram danificadas ou poderão ser utilizadas na investigação do caso.

Segundo os PMs que atenderam a ocorrência, um dos caixas eletrônicos havia sido reabastecido na segunda-feira (27), em razão do pagamento de servidores públicos e de empresas do município.

Outro caso

Ribeirãozinho.net

Explosão aconteceu na madrugada desta terça-feira (28)

Esse é o segundo ataque a agências bancárias no interior do Estado em menos de 24 horas.

Nesta segunda-feira (27), dois homens assaltaram a agência do Banco do Brasil na cidade de Nova Maringá, onde levaram todo o dinheiro do caixa.

Na fuga, eles fizeram o gerente e dois funcionários reféns, liberando-os momentos depois. Até agora, os policiais não tem pistas dos assaltantes.

Os dois assaltos estão sendo investigados pela Gerência de Combate ao Crime Organizado.

O delegado Flavio Stringueta enviou equipes de policiais aos dois municípios para darem início às investigações.

 

ADILSON ROSA

About The Author
newsmt

Tem algo a dizer sobre essa matéria?