Você está lendo:
Quebra de decoro Parlamentar: Presidente da Câmara diz que prefeito induziu vereadores para votar a favor
0

Quebra de decoro Parlamentar: Presidente da Câmara diz que prefeito induziu vereadores para votar a favor

by newsmtagosto 16, 2014

Claudir Rizzo, presidente da Câmara Municipal de vereadores do município de Nova Ubiratã acusa o prefeito Valdenir Jose dos Santos (PMDB), de manobras politicas para que os vereadores votassem favorável ao pedido do executivo, que pedia a quebra de decoro Parlamentar contra o presidente da casa, Claudir Rizzo.

A quebra de decoro seria motivada porque Claudir Rizzo, rasgou no plenário Benedito Dutra a resposta do requerimento que tinha explicações do contrato firmado entre prefeitura e ADESCO, conforme Claudir, contrato duvidoso.

A resposta do requerimento rasgado no plenário foi encaminhado à câmara pelo correio via SEDEX, após 40 dias do pedido feito pelo poder Legislativo.

A votação do processo de cassação do vereador presidente aconteceu na ultima sexta-feira (15.08), para cassar os direitos políticos do presidente da câmara seriam necessários a maioria dos votos dos parlamentares. Mas para a satisfação do presidente da casa, seis edis dos 9 que integram a bancada, votaram contra o pedido de quebra de decoro parlamentar de autoria do poder executivo, apenas 2 vereadores votaram favorável.

O presidente do Legislativo, acusa o mandatário de ter induzido os 2 vereadores que são da base governista a votarem favorável.

Diante deste episódio quero agradecer os vereadores. Canola. Heder. Gazolina. Bidao. Nana e Totonho. Estes vereadores fizeram prevalecer à verdade o que é de direito do vereador, votaram contra a minha quebra de decoro parlamentar e posteriormente a perda do meu mandato.

Quanto aos vereadores Jaime do Entre Rios e Miro do Piratininga, continuo admirando os trabalhos deles, fomos eleitos pra isso, uns pra tomar decisões próprias e outros para serem mandados, mas é assim mesmo, quem não tem competência de seguir com suas próprias pernas, tem que arrumar uma desculpa pra poder caminhar, disse Claudir.

O presidente avalia os fatos com muita estranheza, ele disse que é muito, mas muito estranho, que o pedido de cassação veio assinado pelo procurador da prefeitura excelentíssimo doutor Rogério Ferreira da Silva e não do prefeito Valdenir Jose dos Santos, ele disse ficar em duvidas de quem é o prefeito de Nova Ubiratã de quem realmente governa o município. A dúvida do presidente fica no ar.

Fonte: Hueliton Mendes/Rádio Tangará

 

About The Author
newsmt

Tem algo a dizer sobre essa matéria?