Você está lendo:
Sorriso: Presos fazem aulas de crochê como forma de qualificação
0

Sorriso: Presos fazem aulas de crochê como forma de qualificação

by newsmtjulho 19, 2015

Doze detentos que cumprem pena em regime fechado no Centro de Ressocialização de Sorriso realizam curso de confecção de tapetes de crochê como forma de qualificação profissional. Ao final, além de receber certificado, os presos também têm a pena reduzida.

Os selecionados para o curso, com idade entre 20 e 60 anos, são da ala ‘Renascer’ e precisam ter bom comportamento, disciplina com horários, respeito aos carcereiros, entre outros fatores, segundo o diretor da unidade, Itamar Costa.

“Não podemos colocar os presos que vivem em outras alas que não respeitam os servidores, que sempre estão brigando e, principalmente, não seguem a disciplina da prisão”, explica Costa.

O curso de crochê tem carga horária de 40 horas semanais, de segunda a sexta-feira, com intervalo para o almoço. A qualificação  é oferecida por uma escola que tem parceria com o presídio. As aulas são dadas por uma instrutora que foi até Sorriso para ministrar o curso.

“É uma responsabilidade grande em tirar da cela qualquer pessoa, pois eles [os presos] ficam sem algemas e livres na sala fechada para aprendizagem. Não selecionamos traficantes, ladrões e outros que vemos que são violentos. Pegamos só os alunos da ala “Renascer“ mesmo para não termos problemas durante o curso”, relatou Costa.

Renascer

A ala “Renascer“ tem 36 presos. Segundo o diretor, 14 reeducandos deles trabalham fora do presídio em fábrica de blocos de construção, dois prestam serviços na delegacia do município e outros dois no Corpo de Bombeiros da cidade. Os seis restantes já tiveram curso de aperfeiçoamento no começo deste ano, por isso não estão participando da qualificação em confecção de tapetes de crochê.

O presídio conta com três salas livres para que os reeducandos da “Renascer“ possam estudar normalmente e participar de cursos. Eles têm aula dos ensinos fundamental e médio. “Os 36 estão estudando para fazer o Enem [Exame Nacional do Ensino Médio] este ano. Irão se inscrever e participar. Eu os incentivo bastante a estudar, trabalhar, apagar o passado e recomeçar a vida de forma decente”, disse Costa.

Fonte: G1-MT

About The Author
newsmt