Você está lendo:
TANGARÁ VERDADE: Em clima de fim de ano, programa faz retrospectiva apontando os 15 fatos mais marcantes de 2014
0

TANGARÁ VERDADE: Em clima de fim de ano, programa faz retrospectiva apontando os 15 fatos mais marcantes de 2014

by newsmtjaneiro 2, 2015

No última edição do programa Tangará Verdade no ano de 2014, os apresentadores Vitalino Dalla Bona, Hueliton Mendes e Luciana Menoli fizeram uma retrospectiva do turbulento ano que passou, destacando os 15 acontecimentos mais marcantes do calendário.

1 – Logo no início de 2014, foram feitas denúncias sobre o planejamento do prefeito em tentar manipular a forma de licitação para construção do Hospital Municipal, onde decretaria o estado de emergência para “pular” a licitação. A empresa responsável pela obra já havia sido escolhida, inclusive hoje, é uma das que ganharam a licitação para fazer metade da obra. Todo o planejamento foi gravado durante uma reunião e servidores da saúde, que protestavam por melhores condições de trabalho. O conteúdo foi amplamente divulgado e denunciado à Câmara e ao Ministério Público, onde a casa do legislativo se recusou a abrir CEI e o MP arquivou a denúncia.

2 – 03/04 – Câmara lança abaixo-assinado com objetivo de coletar 100 mil assinaturas para pressionar autoridades políticas estaduais e federais a se comprometerem a efetuar a implantação de um Hospital Regional na região do Sudoeste, com sede em seu principal polo, Tangará da Serra.

3 – Em Abril, um grande perigo avança sobre Tangará: É o H1N1. Sua primeira vítima é o vereador petebista Odair José da Silva Dias, que foi internado com complicações em uma crise alérgica e pneumonia. O parlamentar faleceu cinco dias após sua internação, em 11/05. No final de Maio, a causa mortis foi confirmada, apontando que o óbito de Odair foi realmente ocasionado por causa do vírus H1N1. Ele foi sepultado no dia 13 de Maio, data em que o município de Tangará da Serra comemoraria 38 anos. Todos os eventos comemorativos foram cancelados, inclusive o tradicional desfile de aniversário que foi adiado para o dia 24/05. A prefeitura municipal decretou luto oficial de três dias. Odair é tido como o vereador mais combativo na Câmara e fez diversas denúncias ao MP que até hoje tramitam no órgão.

4 – Pouco antes, no dia 22/05, o prefeito Fábio Martins Junqueira teve seus direitos políticos suspensos por 5 anos pelo TJMT , onde o MP pediu a extinção de seu mandato por conta da proibição de contratar com o serviço público e da própria cessação dos direitos políticos. Junqueira relutou por dias em entregar o mandato, mas acabou cedendo e o vice José Pereira Filho (Zé Pequeno), assumiu a prefeitura por pouco mais de seis meses. No início de Dezembro, uma decisão monocrática de uma juíza substituta no TJMT acatou a liminar de Junqueira e o reconduziu ao cargo até que o método de ação que contesta a suspensão dos direitos políticos seja julgado.

5 – 05/06 – Uma passeata com 8 mil pessoas segue pela Avenida Brasil pedindo mais segurança em Tangará. A ação foi promovida por ONGs, Clubes de Serviço e ACITS. Dias antes, 5 pessoas haviam sido estupradas e uma delas assassinada. A estudante Bárbara Suzan havia ficado desaparecida por 3 dias, quando a Polícia de Tangará da Serra recebeu uma denúncia que culminou na localização do corpo da jovem, num terreno baldio atrás da garagem dos ônibus escolares, no Jardim Acapulco. A polícia prendeu dois suspeitos que confessaram os crimes. Um deles havia estuprado duas das cinco mulheres, e o outro, além de Bárbara, estuprou um adolescente de 14 anos e um travesti. Segundo o maníaco, Bárbara só foi assassinada por ter tentado reagir ao estupro gritando.

6 – Em meio aos escândalos e denúncias de corrupção e ao início da corrida eleitoral, começa a Copa de 2014 no Brasil. Dentro de campo foi uma grande competição, como já era de se prever, mas fora dele, muitos problemas comprometeram e comprometem até hoje. O país sede foi às semifinais após duas copas, mas seria melhor não ter ido, já que sofreu um chocolate histórico para a Alemanha: o eterno 7 a 1. Os germânicos conquistaram o Tetracampeonato Mundial, deixando Argentina em Segundo e Holanda em Terceiro; Brasil terminou amargamente em Quarto.

7 – 13/08 – Em plena corrida presidencial, com a campanha apenas se iniciando, cai o jato que transportava Eduardo Campos, então candidato do PSB à presidência, no bairro do Boqueirão em Santos – SP. Além de Eduardo, todos os tripulantes da aeronave vieram a falecer. A comoção nacional com a morte do candidato deu fôlego à sua sucessora como candidata: Marina Silva. Marina, que havia se filiado ao PSB por não conseguir o registro de seu partido, Rede Sustentabilidade, aos poucos foi subindo nas pesquisas, mas perdeu forças no fim da campanha, ficando de fora do segundo turno que estaria por vir.

8 – Em Setembro, um ano depois do prazo para a conclusão, a administração municipal diz que Tangará da Serra contava com 16 USF’s, porém, algumas não tiveram as reformas concluídas.

9 – Em Tangará, enquanto isso, com uma nova Secretária de Saúde, servidores de carreira e da área, as obras do Hospital Municipal se reiniciaram depois de 3 anos de paralisação. Menos de 2 meses depois, as obras foram novamente interrompidas. O motivo: falta de projeto para a rede elétrica para os dutos de gases medicinais. Vizinhos denunciam focos do mosquito da dengue e também que usuários de drogas estariam utilizando a construção como ‘fumódromo’.

10 – 05/10 – Acontece o primeiro turno das eleições, e Dilma e Aécio vão para o acirradíssimo segundo turno da disputa presidencial. Em MT, Pedro Taques (PDT) é eleito governador, tendo Carlos Fávaro de vice, e no senado, Wellington Fagundes vencia para ocupar o cargo com mais de 60% dos votos. Os 8 Deputados Federais eleitos foram Ezequiel Fonseca, Fábio Garcia, Nilson Leitão, Victório Galli, Carlos Bezerra, Adilton Sachetti, Ságuas Moraes e Valtenir Pereira. O último, só foi reeleito devido a expressiva votação obtida pelo vereador tangaraense Rogério Silva, que foi candidato pelo nosso município, mas ficou como suplente pela legenda (ambos do PROS). Ainda, pela primeira vez, Tangará da Serra elegeu dois Deputados Estaduais: Wagner Ramos e Saturnino Masson. Mais tardiamente, mesmo com os casos do ‘Petrolão’ começando a ganhar força na mídia, Dilma Rousseff do PT  venceu as eleições para a presidência, derrotando Aécio Neves do PSDB por pouco mais de 3 milhões de votos, segundo o TSE.

11 – No dia 09/10, 900 crianças e adolescentes se formaram no PROERD (Programa Educacional de Resistência às Drogas), com evento na Praça dos Pioneiros. O programa estava há anos com as atividades interrompidas, e seu funcionamento é fundamental para a disciplina de jovens com relação ao uso e tráfico de drogas.

12 – 15/10 – No Dia dos Professores, temporal atinge violentamente a cidade de Tangará da Serra, com chuvas de 50 mm e ventos que chegaram a 143 Km/h. O fenômeno natural devastou a cidade derrubando árvores, torres de transmissão, destelhando casas, centros educacionais (Creche Tânia Arantes e UNEMAT, por exemplo) até mesmo órgãos públicos (postos de saúde, terminal rodoviário, estádio). Por sorte, as crianças da Creche localizada no Parque das Mansões, não estavam tendo aula devido ao dia comemorativo; porém, os acadêmicos da UNEMAT que estavam em dia letivo passaram por momentos de tensão, tendo inclusive, laboratórios e salas com a estrutura comprometida. O estrago causado pela histórica tempestade foi enorme e até hoje o município contabiliza os prejuízos e tenta reconstruir o que sofreu danos, como a rodoviária, por exemplo, que tem reconstrução de seu telhado com início previsto para 05 de Janeiro. O menos mau desse fato catastrófico é que ninguém sequer se feriu.

13 – A Escola Estadual Emanuel Pinheiro completou 50 anos. É a mais antiga de Tangará e fez comemorações que homenagearam antigos servidores e alunos que lá trabalharam e estudaram, respectivamente.

14 – Em Dezembro, Operação Lava-Jato da Polícia Federal, comandada pelo Juiz paranaense Sérgio Moro, confirma denúncias de corrupção na Petrobras. Várias empreiteiras, entre elas as maiores d país, são denunciadas, bem como 52 de seus executivos e 28 políticos que completam a lista dos denunciados no caso, que ganhou pelo povo o apelido de ‘Petrolão’. Com as denúncias de Venina Venosa, o caso ganha ainda mais atenção e repercussão, inclusive mundo afora. A novela do esquema promete ter capítulos ainda mais quentes em 2015…

15 – Em Tangará da Serra, a população fica revoltada com o recebimento de duas ou até três contas de água no mês de Dezembro. Apesar de os contribuintes estarem efetuando o pagamento das contas, eles não engoliram as explicações do Diretor do SAMAE, Wesley Lopes Torres, e do Prefeito Fábio Junqueira.

A equipe do Tangará Verdade e a família Rádio Tangará deseja a todos um felicíssimo 2015, com muito mais notícias boas do que ruins.

Fonte: Rádio Tangará

About The Author
newsmt

Tem algo a dizer sobre essa matéria?