Você está lendo:
Telefonia Móvel e TV's á Cabo lideram ranking de reclamações no Procon de Nova Ubiratã
0

Telefonia Móvel e TV's á Cabo lideram ranking de reclamações no Procon de Nova Ubiratã

by newsmtjulho 25, 2015

Os atendimentos no Órgão de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) de Nova Ubiratã, aumentaram consideravelmente no primeiro semestre de 2015, assim como as negociações, mediadas pela entidade, entre empresas e consumidores.

Em pouco mais de sete meses já foram oficializadas 62 ocorrências, sendo que destas apenas duas ainda estão em negociação.

Liderando o ranking das reclamações está a empresa de telefonia móvel que opera no município, dentre as principais reclamações dos clientes estão as cobranças indevidas, o péssima qualidade do sinal ofertado e a deficiência no cal center da empresa.

Em seguida, e empatadas com quatro reclamações, estão a telefonia fixa e as TV’s á cabo, que operam deficientemente na Região.

Outro setor que também não tem agradado os usuários é o ramo de provedores de internet, que apesar das constantes reclamações dos moradores, ainda continuam operando com qualidade bem inferior aos serviços ofertados em cidades vizinhas, como por exemplo Sorriso e Vera.

De acordo com a entidade atualmente três modalidades de serviços são ofertados á sociedade, que vão desde o atendimento simples, como a informação e orientação verbal, o preliminar, que se restringe ao contato com a empresa reclamada, até a Carta de Informação Preliminar (CIP), que é a notificação oficial expedida pelo Procon á empresas reclamadas.

Outro setor que deve ser fortalecido nos próximos é o trabalho educativo, onde os servidores, através de palestras em instituições de ensino, irão conscientizar alunos do município, sobre a importância dos direitos dos consumidores, assim como a reponsabilidades das empresas/e ou prestadores de serviços contratados.

Inaugurado com o apoio da Prefeitura Municipal em 17 de Novembro de 2014, o Procon de Nova Ubiratã se tornou a principal ferramenta do consumidor, que até então não tinha a quem recorrer em caso de dúvidas ou denuncias.

Para o chefe do executivo a vinda do órgão para o município se fez necessário devido a expansão empresarial registrada nos últimos anos.

“Muitas empresas, assim como novos moradores estão se instalando em Nova Ubiratã, e obviamente com o aumento da demanda vem as reclamações e a necessidade de se amparar o consumidor, e foi exatamente por isso que pleiteamos a vinda do Procon para Nova Ubiratã, e como podemos obeservar o investimento já está surtindo bons resultados”, comemorou o prefeito, Valdenir José dos Santos.

Atualmente três servidores compõe o quadro de funcionários da entidade no município, são uma conselheira, uma atendente, além de um advogado especializado na área.

Com a instalação do Procon de Nova Ubiratã o Estado passou a contar com 44 unidades de atendimento, divididos em 42 cidades, incluindo a sede da entidade, localizada no Posto de Atendimento do Ganha Tempo em Cuiabá.

Os interessados em sanar suas duvidas podem buscar atendimento pessoalmente na sede do Procon do município, que funciona de segunda á sexta-feira,  na avenida Tancredo Neves no número 1.570, ou através do telefone (66) 3579 1186.

Saiba mais sobre o Procon:

O Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (ou Procon) é uma fundação presente em diversos estados e municípios brasileiros com personalidade jurídica de direito público. É um órgão vinculado à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania, cujo objetivo é elaborar e executar a política estadual de proteção e defesa do consumidor.

Funcionalidade:

Funciona como um órgão auxiliar do Poder Judiciário, tentando solucionar previamente os conflitos entre o consumidor e a empresa que vende um produto ou presta um serviço, e quando não há acordo, encaminha o caso para o Juizado Especial Cível com jurisdição sobre o local. 1 O Procon pode ser estadual ou municipal, e segundo o artigo 105 da Lei 8.078/90 (Código de Defesa do Consumidor), é parte integrante do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor.

Primeiro Procon do País:

São Paulo foi o primeiro Estado a criar um órgão do gênero no país para orientação, fiscalização e harmonização das relações de consumo. Iniciando suas atividades em 1976, o surgimento da Fundação foi fundamental para o fortalecimento do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor. Reconhecido no Brasil pelo pioneirismo, o Procon-SP ocupa o quarto lugar entre as instituições de maior confiança da população.

Estrutura:

O Procon é estabelecido primeiramente pelo governo estadual por meio de decretos. A partir da criação deste Procon, são criados outros Procons nas cidades do estado. Nem todas as cidades de um estado possuem um escritório do Procon. Todas as capitais do Brasil possuem uma filial do Procon.

Fonte: Da Assessoria

About The Author
newsmt