Você está lendo:
Unidades de conservação terão auxílio de caminhonetes na fiscalização e monitoramento ambiental
0

Unidades de conservação terão auxílio de caminhonetes na fiscalização e monitoramento ambiental

by Radio Tangarádezembro 5, 2016
A aquisição de três veículos foi feita pela Sema por meio do programa Áreas Protegidas da Amazônia (Arpa)

a-agerenteresex

As unidades de conservação de Mato Grosso Reserva Extrativista (Resex) Guariba-Roosevelt, localizada em Colniza, o Parque Estadual do Cristalino, situado entre os municípios de Alta Floresta e Novo Mundo, e o Parque Estadual Igarapés do Juruena, que abrange as cidades de Colniza e Cotriguaçu, contarão com auxílio de uma caminhonete 4×4 L200 Triton cada no atendimento às demandas de fiscalização e monitoramento ambiental.

Os três veículos foram adquiridos pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT), por meio do programa Áreas Protegidas da Amazônia (Arpa). Juntos, eles somam um montante de R$ 460 mil. Conforme a coordenadora de Unidades de Conservação da Sema, Paula Marye Andrade, os carros foram solicitados pelo órgão ambiental em 2015 e recebidos nesta semana.

Para ela, esta aquisição representa mais um avanço na gestão ambiental, tendo em vista que as caminhonetes antigas tinham um custo de manutenção em torno de R$ 26 mil cada por ano. “Além de economia, vamos reforçar o trabalho dos gerentes que muitas vezes não tinham como executar as atividades, porque o carro estava desgastado devido os anos de uso”.

Quem também está feliz com a aquisição é o gerente da Resex Guariba-Roosevelt, José Cândido Primo. “Vamos ter mais condições de realizar os trabalhos dentro e no entorno da unidade. Também vamos oferecer mais segurança à equipe”.

 

Programa Arpa

Coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA), o Arpa é gerenciado financeiramente pelo Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio) e conta com apoio de recursos doados por Organizações Não-governamentais (ONGs) nacionais e internacionais.  A execução é feita pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e os Governos do Acre, Amazonas, Amapá, Pará, Mato Grosso, Rondônia e Tocantins.

About The Author
Radio Tangará