Você está lendo:
Vereador Nana lamenta saída de deputado do Partido Verde, mas ressalta representatividade na esfera estadual e federal
0

Vereador Nana lamenta saída de deputado do Partido Verde, mas ressalta representatividade na esfera estadual e federal

by newsmtmarço 3, 2016

“Infelizmente cada vez mais estamos demonstrando que somos um partido de pouca expressão, a debanda começou com a Marina Silva, e agora com o deputado estadual Pery Taborelli, que se filiou na ultima quarta-feira ao PSC (Partido Social Cristão). Lamentamos muito que o deputado tenha saído do PV, ele estava nos ajudando muito e fazendo um brilhante trabalho para Nova Ubiratã”, lamentou o vereador representante da sigla no município.

Em conversa com site Acontece News MT, Nana ressaltou que teve uma breve conversa com os representantes da executiva do diretório estadual do PV, o vereador disse para nossa reportagem que o crescimento do Partido Verde só será possível novamente, quando os líderes que os representam na esfera federal e estadual, permanecerem em contato com as suas bases eleitorais, ou seja, estar mais próximos daqueles que estão defendendo o partido lá nos seus municípios.

O vereador ressaltou que defender o Partido Verde, hoje no estado de Mato Grosso, é muito mais fácil, muito diferente de 10 anos atrás, em tempos a obrigação dos produtores eram desmatar e fazer o estado produzir e crescer, e disse que nos dias atuais os grandes e pequenos produtores sentem muito a falta de políticas voltadas para uma produção consciente, e com as nascentes preservadas.

“Cada um de nós somos peças fundamentais para isso. É preciso ter mais compromisso com a nossa bandeira e ideais. Não é querer ser poeta ou romântico na política, mas sim acordar para uma política já esquecida”.

“Precisamos fazer política com militância e com valores, isso é possível, se cada um de nós for forte e defender o que queremos e representamos faremos a diferença na política daqui pra frente”.

“Agora, se não colocarmos tudo isso em pratica, lamento muito, seremos mais um partido nanico, e isso sabemos que não somos e nem queremos ser. Temos ainda uma excelente representatividade uma bandeira moderna e humanizada, algo que nos diferencia e muito dos demais partidos”.

Por fim, o vereador disse que, com ou sem Marina Silva, Taborelli ou quem quer que seja, o Partido Verde tem representatividade, e é uma sigla diferente e comprometida com as questões ambientais.

Fonte: Da Redação

About The Author
newsmt