Você está lendo:
DISPUTA NA OAB-MT: Pesquisa mostra três candidatos empatados na liderança
0

DISPUTA NA OAB-MT: Pesquisa mostra três candidatos empatados na liderança

by newsmtnovembro 13, 2015

Segmenta Dados apontou Moreno, Capilé e Capataz na liderança de intenções de votos

Pesquisa feita pela empresa Segmenta Dados, Pesquisas e Estratégias apontou que o advogado Fábio Capilé lidera as intenções de voto à presidência da OAB-MT, com uma pequena margem de 1% acima do candidato Leonardo Campos, o “Léo Capataz”.

Capilé recebeu 22,67% dos votos na pesquisa estimulada, (em que é apresentada uma relação de candidatos), seguido de Leonardo Campos, com 21,33%; e José Moreno, com 20,67%.

Na sequência, está a candidata Cláudia Aquino, com 16%; e Pio da Silva, com 2% das intenções de voto.

Nessa modalidade, 12,67% afirmaram que não sabem em quem votar; e 4,67% disseram que não votariam em nenhum candidato.

A margem de erro da pesquisa é de 2% para mais ou para menos. Logo, em tese, Fábio Capilé, Leonardo Campos e José Moreno estariam tecnicamente empatados na disputa.

O MidiaJur confirmou junto ao presidente da Comissão Eleitoral da OAB-MT, Silvano Macedo Galvão, que a pesquisa foi registrada na entidade na última quarta-feira (11).

Modalidade espontânea

Capilé também recebeu as maiores intenções de voto na modalidade espontânea, com 21,33%.

Porém, nesta modalidade, o oposicionista José Moreno figurou em segundo, com 20%, seguido de Leonardo Campos, com 19,33%.

Logo atrás está a candidata Cláudia Aquino, com 16%, e Pio da Silva, com 2%.

Na espontânea, 17,33% dos entrevistados afirmaram que não sabem em quem vão votar e 4% disseram que não votarão em nenhum dos candidatos.

Rejeição

A maior rejeição dos advogados, segundo a pesquisa, é com relação ao candidato Pio da Silva. Dos entrevistados, 20,67% afirmaram que não votariam nele de jeito nenhum.

O segundo com maior rejeição na pesquisa foi Leonardo Campos, com 12%, seguido de Cláudia Aquino, com 10%.

José Moreno obteve 7,33% de rejeição e Fábio Capilé, 4,67%.

24% dos entrevistados disseram que não sabem em quem não votariam de jeito nenhum e 21,33% afirmaram que não possuem rejeição em relação a nenhum dos candidatos.

Dados

A pesquisa foi realizada nos dias 11 e 12 de novembro. Para a obtenção dos dados, foi utilizado o método survey, que consiste na aplicação de questionário em campo e por telefone.

Dos entrevistados, 51,33% são do sexo feminino e 48,67% do sexo masculino. Quanto ao tempo de advocacia, 30,67% possuem até 5 anos de profissão; 45,33% atuam de 5 a 10 anos; e 24% estão no ramo da advocacia há mais de 10 anos.

O instituto ouviu 300 advogados, sendo 60% em Cuiabá e 40% no interior de Mato Grosso.

Confira os resultados da pesquisa:

 

 

About The Author
newsmt