Você está lendo:
ELEIÇÃO NA OAB-MT: Capataz é o mais votado; posse depende do Conselho Federal
0

ELEIÇÃO NA OAB-MT: Capataz é o mais votado; posse depende do Conselho Federal

by newsmtnovembro 28, 2015

Resultado da eleição estará sub judice por causa de cassação de candidatura por abuso de poder

Mesmo com a apuração ainda não finalizada, o candidato Leonardo Campos, o Léo Capataz, está virtualmente eleito presidente da OAB-MT. Das 29 nove urnas totais em Mato Grosso, ele já obteve votos suficientes para não perder mais.

Até o momento, já foram apurados 2358 votos a Capataz, contra 1776 do oposicionista José Moreno.

Em terceiro lugar figura Fábio Capilé,  com 1385 votos, seguido de Cláudia Aquino, com 1190 votos. Em último lugar ficou o candidato Pio da Silva, com 200 votos.

Segundo a Comissão Eleitoral, ainda faltam ser computados os votos das subseções de Canarana, Nova Mutum, Paranatinga, Pontes e Lacerda e Tangará da Serra (Sapezal), cujos resultados ainda não foram enviados.

Em Cuiabá, Capataz venceu com 1.171 votos.  Em seguida ficou o candiato José Moreno, com 1.057 votos; seguido de Fábio Capilé, com 842; Cláudia Aquino, com 530; e Pio da Silva, com 136.

Independente do resultado, a eleição para a escolha da Ordem em Mato Grosso estará indefinida.

Isso porque Capataz teve o registro de candidatura cassado pela comissão eleitoral da OAB-MT, nesta quinta-feira (26), por abuso de poder econômico, e só disputou por causa de uma decisão liminar do juiz Paulo Sodré, da Justiça Federal.

O resultado oficial da disputa só será oficializado após o posicionamento do Conselho Federal da OAB nacional, em relação à impugnação.

Por isso, mesmo que seja o mais votado, Capataz poderá não ser empossado, caso não consiga reverter a cassação de seu registro.

Capataz comemora

Antes do final da apuração, Capataz discursou como presidente eleito e desfilou em carro aberto por Cuiabá.

“Vou honrar cada voto recebido e, a partir de hoje, a Ordem volta a ser uma só. Minha prioridade é o advogado e nossas prerrogativas”, disse, durante discurso.

Veja alguns resultados do Interior

Na subseção de Várzea Grande, Capataz foi o mais votado, com 90 votos.

Em seguida, ficou José Moreno, com 63 votos; Fábio Capilé, com 41 votos; Cláudia Aquino, com 31 votos; e Pio da Silva, com 11 votos.

Em Sinop, Capataz ficou com 168 votos; Capilé, com 94 votos; Moreno, com 49 votos; Claudia Aquino, com 9 votos; e Pio da Silva, com 4 votos.

No município de Comodoro, Capataz também venceu, com 27 votos. Capilé ficou em segundo, com 8 votos; seguido por Cláudia Aquino, com 2 votos; Pio da Silva não recebeu nenhum voto.

Em Peixoto de Azevedo, Capilé foi o mais votado, com 30 votos. Capataz veio em seguida, com 9 votos; Moreno, com 8 votos; e Pio da Silva, com 1 voto.

Capilé se posiciona

Foto/Marcus Mesquita/MidiaNews

ELEIÇÕES OAB 2015

O advogado Fábio Capilé, que disputou a presidência da OAB-MT

Por meio de nota, o candidato Fábio Capilé agradeceu os votos recebidos e disse que respeita os números das urnas. Mas informou que irá manter o questionamento judicial do registro da candidatura de Léo Capataz.

“Independentemente do resultado final, irei cobrar da próxima gestão transparência e independência político-partidária, que foram os pilares de minha campanha”, disse.

Fonte: Midia News

 

About The Author
newsmt