Você está lendo:
FINANÇAS EM SINOP: Após delação no MPE, "Dóia" é exonerado de secretaria em Sinop
0

FINANÇAS EM SINOP: Após delação no MPE, "Dóia" é exonerado de secretaria em Sinop

by newsmtoutubro 9, 2015

Ele teria admitido participação em esquema de corrupção no Detran-MT

Após prestar, nesta semana, depoimentos ao Ministério Público Estadual (MPE), com o objetivo de obter os benefícios de uma delação premiada, o ex-presidente do Detran-MT, Teodoro Lopes, o “Dóia”, foi exonerado do cargo de secretário de Finanças de Sinop.

Ele foi presidente da autarquia entre os anos de 2007 e 2012.

Em entrevista coletiva, ele não confirmou o início do processo de delação premiada (nem poderia, já que assumiu compromisso de confidencialidade com o MPE), e alegou motivos pessoais para deixar o cargo.

Nos bastidores, porém, sabe-se que sua manutenção no cargo ficou insustentável, e ele se antecipou à exoneração pelo fato de que ele teria admitido participação em esquemas de corrupção e recebimento de propinas no Detran-MT, conforme antecipou o MidiaNews (leia: Ao MPE, “Dóia” teria admitido esquema de corrupção no Detran).

Além disso, sua exoneração teria atendido a interesses  – e sido também uma represália – do grupo do ex-governador Silval Barbosa (PMDB), aliado e amigo do prefeito Juarez Costa (PMDB).

À imprensa, Dóia disse que procurou órgãos de controle.”Fui no TCE, na Delegacia Fazendária e no Gaeco, me colocar a disposição para responder tudo aquilo que for necessário”, disse, sem admitir a delação.

Caso obtenha os benefícios da delação premiada, como não ser preso na fase de inquérito das investigações no Detran, e ter eventual pena diminuída, entre outros, provavelmente ele será impedido de ocupar, novamente, cargos públicos.

Fonte: Do Mídia News

About The Author
newsmt