Você está lendo:
Georreferenciamento em Entre Rios: Chefe de Divisão de Desenvolvimento do INCRA-MT, esteve no Assentamento acompanhando o inicio dos trabalhos
0

Georreferenciamento em Entre Rios: Chefe de Divisão de Desenvolvimento do INCRA-MT, esteve no Assentamento acompanhando o inicio dos trabalhos

by newsmtoutubro 13, 2015

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agraria – INCRA reiniciou esta semana os trabalhos de Georreferenciamento do Assentamento Boa Esperança I, II e III, no Distrito de Estre Rios, Município de Nova Ubiratã. O objetivo é concluir os trabalhos iniciados no ano passado, porem não finalizado pelo motivo do fim do contrato com outra empresa.

O Chefe de Divisão de Desenvolvimento do INCRA-MT, Osmar Rossetto (Chiquinho), esteve no Assentamento acompanhando o inicio dos trabalhos pela empresa contratada, juntamente com o Vereador José Dias Pedroso (Gasolina). “È mais uma etapa de um trabalho que tem como objetivo a regularização do Assentamento com vistas ao desembargo ambiental. Sabemos que a regularização fundiária é fundamental para que haja a regularização ambiental. Estamos procurando fazer a nossa parte”, fala Chiquinho.

Para o Vereador Gasolina, a ação é importante e ele agradece o INCRA por atender sua reivindicação em fazer o Georreferenciamento tanto do Assentamento Santa Teresinha Il como do Boa Esperança I, II e III ambos assentamentos localizados no Distrito de Entre Rios.

Segundo o vereador, os recursos para a execução do Geo foram todos do governo federal sem nenhum ônus para os assentados. Pois as dificuldades do embargo ambiental são grandes no assentamento, mas mesmo com todos os problemas enfrentados o assentamento vem se desenvolvendo muito, isso, prova que, quem veio para os Assentamentos em Entre Rios, veio para produzir e sustentar sua família, e nós como poder publico temos que dar condições mínimas para que isso aconteça.

A previsão de termino dos trabalhos é em 20 dias. Assim como Chiquinho, Gasolina diz que os próximos passos além do desembargo é trabalhar a Titulação Definitiva dos Assentados, garantindo assim tranquilidade e acesso aos créditos rurais que todos os produtores da agricultura familiar tem direito.

Fonte: Redação

About The Author
newsmt