Você está lendo:
Luverdense atropela o Avaí e garante matematicamente vaga na Série ‘B’ de 2015
0

Luverdense atropela o Avaí e garante matematicamente vaga na Série ‘B’ de 2015

by newsmtoutubro 29, 2014

Com um primeiro tempo “avassalador”, o Luverdense venceu o Avaí (SC) por 3 a 1, nesta terça-feira à noite, no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde (350 km de Cuiabá), e praticamente está livre de perigo de rebaixamento, garantindo vaga na Série ‘B’ de 2015.

Com a vitória, o clube foi a 46 pontos e subiu para a 11ª posição na tabela. Segundo matemáticos, o time que atingir essa pontuação corre riscos mínimos de rebaixamento. Além disso, restam cinco jogos e o time mato-grossense ainda poderá pontuar mais, selando de vez a permanência na segunda divisão.

O jogo começou movimentado, mas com o Luverdense propondo o jogo, já que estava em seus domínios e precisava do resultado. O primeiro gol saiu aos 21 minutos. Edinho cobrou lateral para Washington, que foi à linha de fundo e cruzou para Léo mandar uma “bomba”, sem chances para o goleiro Wagner. Aos 24, Misael tocou para Samuel, que da direita cruzou para a área. O volante Gilson saiu de trás da zaga catarinense e tocou para o gol: 2 a 0.
Com muita disposição, o Luverdense não parou de apertar e aos 34 minutos a bola foi enfiada para Washington pela esquerda. Ele foi até a linha de fundo e bateu rasteiro para o gol. O goleiro rebateu nos pés de Misael, que tocou para Léo na pequena área fazer 3 a 0. O Avaí conseguiu diminuir o placar aos 43. Após uma falha da zaga, o volante Eduardo Costa, impedido, fez 3 a 1.

Na etapa final, o técnico Geninho colocou o time de Florianópolis avante, sacando um volante e colocando mais um atacante. E a troca deu resultado, já que o Avaí conseguiu equilibrar o jogo. Aos oito minutos, Marquinhos encobriu o goleiro Gabriel Leite, mas o lateral Jean Patrick tirou o gol em cima da linha.  Aos 18, Samuel cobrou falta e o goleiro Wagner tocou para escanteio. Aos 21, Marquinhos recebeu lançamento longo e novamente jogou a bola por cima de Gabriel, mas desta vez foi Renato quem evitou o gol.

A partida continuou aberta, com chances para os dois lados. Mas nenhum dos times conseguiu mandar a bola para o fundo das redes e o placar terminou 3 a 1 para o “Verdão do Norte.

Após a partida de hoje, o Luverdense terá dez dias de folga e retornará a campo no dia 8 de novembro, para enfrentar a Portuguesa, no estádio do Canindé, em São Paulo. Depois, jogará no dia 15, contra o Náutico, na Arena Pernambuco, na região metropolitana do Recife.

Fonte: Olhar Direto

About The Author
newsmt

Tem algo a dizer sobre essa matéria?