Você está lendo:
Mais de 3 mil foram pra rua em Tangará da Serra para protestar contra a corrupção
0

Mais de 3 mil foram pra rua em Tangará da Serra para protestar contra a corrupção

by newsmtmarço 13, 2016

Foi um domingo de protestos em todo o país. Em Tangará da Serra, não poderia ser diferente. Cerca de 3.000 tangaraenses concentraram-se, já a partir das 15hs, nas proximidades da rotatória da Avenida Brasil com Avenida Mauá. Caras pintadas, bandeiras do Brasil, faixas com mensagens de protesto, palavras de ordem. Tudo compôs o cenário que reflete o descontentamento dos brasileiros com o atual estado das coisas no país.

A Polícia Militar mobilizou dezenas de policiais, em viaturas, moto-patrulhamento e também a pé, para fazer a segurança dos atos. Apesar dos inflados nas manifestações, não houve registros de violência ou confusão. O Corpo de Bombeiros também esteve presente.

Sob organização e liderança de Aline Gramarin e Deoni Tomazoni e com participação de lideranças empresariais, clubes de serviço e entidades diversas como Acits e Sindicato Rural, o movimento “Vem Pra Rua” consistiu em passeata que teve início pouco depois das 16hs, percorrendo a Avenida Brasil até em frente da antiga prefeitura, na rotatória com Avenida Tancredo de Almeida Neves. Neste ponto, houve ato público, com discursos de vários representantes da sociedade civil organizada.

Mensagens contrárias à presidente Dilma Rousseff, ao ex-presidente Lula e ao PT eram as mais acaloradas. “Fora Dilma! Fora Lula! Fora PT!” eram expressões que saíam, em altos brados, entre os protestantes. O repertório também incluía palavras de apoio ao juiz federal Sergio Moro, que está à frente da operação Lava Jato e, também, à Polícia Federal. Engrossavam o conjunto de mensagens, ainda, reclamações contra as obras inacabadas da copa, à inflação, ao enfraquecimento da economia, ao desemprego, à falta de transparência com os financiamentos do BNDES, entre outros.
Também houve manifestações em Campo Novo do Parecis e Sapezal. Não houve registros de ações de grupos pró-governo ou ligadas ao Partido dos Trabalhadores.

Com Tangará Online/Sergio Roberto

About The Author
newsmt