Você está lendo:
NOVA UBIRATÃ: Vereador voltou a criticar o mau uso dos recursos público na Secretaria de Saúde
0

NOVA UBIRATÃ: Vereador voltou a criticar o mau uso dos recursos público na Secretaria de Saúde

by newsmtsetembro 11, 2015

 

O vereador de Nova Ubiratã, Leonildo Antônio (PV), voltou a criticar o mau uso dos recursos público na Secretaria de Saúde do município, para o parlamentar  os mesmos não estão sendo investidos de forma correta.

“Infelizmente temos em Nova Ubiratã, uma empresa de fachada, CETER ESPECIALIZAÇÃO E TECNOLOGICO EM RADIODIAGNOSTICO ME, que atua como uma locadora de um aparelho de RAIO-X, o equipamento custa por mês ,o valor de 6.500,00 (seis mil e quinhentos reais), somados o que já foi pago pelo município de 2013 a 2015, o valor é de 195.000,00 (cento e noventa e cinco mil reais) , ou seja, daria para comprar um aparelho novo para a nossa unidade de saúde”, disse.

Outra situação que o vereador busca esclarecimento é sobre a licitação de cirurgias, feitas através da CLINICA DE CIRURGIA PLASTICA DR SERGIO EVANGESLISTA DE SORRISO, que para o vereador, pode ser contratada por um valor bem menor, através do CONSORCIO TELES PIRES, com uma diferença de 25% mais barata do que as que são pagas hoje através de uma licitação direta com prefeitura e clinica.

“O Consórcio de Saúde da Região do Teles Pires e um formato de gestão compartilhada, que possibilitam aos municípios realizar os serviços, adquirir medicamentos, reduzir custos e ter mais qualidade”, afirmou o vereador.

O vereador informou ainda, que na ultima sexta feira dia 04 de Setembro, aconteceu uma reunião com a Secretária de Saúde, Eliane Roman Ross, oportunidade em que cabramos dela esclarecimentos sobre as licitações.

“De acordo com o vereador, a Secretária informou que as licitações são feitas diretas com o setor de licitação da prefeitura, ela apenas encaminha as demandas de cirurgias e os procedimentos para a prefeitura”.

“Por fim, Leonildo sugeriu uma reunião com o setor de licitação do município, e com o prefeito, o objetivo é saber dele, o porquê, que não faz o pregão através do consorcio Teles Pires”. Onde o mesmo é presidente.

Fonte: Redação

About The Author
newsmt