Você está lendo:
Polícia Civil cumpre 11 mandados de busca e apreensão
0

Polícia Civil cumpre 11 mandados de busca e apreensão

by newsmtsetembro 16, 2015

Ação foi deflagrada na tarde desta terça-feira (15); ex-secretários de Estado foram presos

 A Polícia Civil cumpre 11 mandados de busca e apreensão referentes à Operação “Sodoma”, deflagrada nesta terça-feira (15) pela Polícia Civil.

Os mandados estão sendo cumpridos nas residências dos ex-secretários de Estado Pedro Jamil Nadaf e Marcel Souza de Cursi, e do ex-governador Silval da Cunha Barbosa, além da Federação de Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado (Fecomércio), NBC Assessoria Consultoria e Planejamento e Invest.

Os mandados também tiveram como alvos as residências de três parentes dos suspeitos, que foram conduzidos coercitivamente até a Delegacia Fazendária (Defaz) para prestar declarações.

As investigações ocorrem há quatro meses, sendo conduzidas pela Defaz em parceria com o Laboratório de Tecnologia contra Lavagem de Dinheiro (Lab-LD).

Além dos mandados de prisão preventiva e busca e apreensão, foram cumpridas duas medidas cautelares restritivas, conhecidas como monitoramento eletrônico, em desfavor de Karla Cecília de Oliveira Cintra – ex-assessora de Pedro Nadaf – e Silvio Cezar Correa Araújo, sendo este último o ex-chefe de gabinete do ex-governador de Mato Grosso.
Movimentação na Defaz (Atualizada às 17h03)

Vários agentes da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), da Polícia Civil, começaram a chegar à sede da Defaz por volta das 16h30, com materiais já apreendidos durante o cumprimento dos mandados de busca e apreensão da Operação Sodoma, deflagrada nesta quinta-feira (15).

No início da tarde, os ex-secretários de Estado Pedro Nadaf (Indústria e Comércio e Casa Civil) e Marcel de Cursi (Fazenda) foram presos.

O ex-governador Silval Barbosa (PMDB) também teve mandado de prisão decretado pela Justiça e é considerado foragido.

A movimentação em frente à Defaz é intensa. O delegado titular da GCCO, Flávio Stringueta, também chegou ao local e acompanha os procedimentos na delegacia.

Dentre os materiais já apreendidos estão malotes de documentos e dois computadores.

Neste momento, agentes da Polícia Civil também cumprem mandados de busca e apreensão nas residências do ex-governador Silval Barbosa.

No apartamento de Silval, a ação dos policiais é coordenada pelo delegado Lindomar Toffoli e é acompanhada pela ex-primeira-dama de Mato Grosso, Roseli Barbosa, e pelos advogados da família, Ulisses Rabaneda e Valber Melo.

Depoimentos (Atualizada às 17h15)

Duas testemunhas também já chegaram à delegacia para depor.

Segundo informações, tratam-se da ex-mulher e do filho do ex-secretário Pedro Nadaf, Cibele Bojikian e Pedro Jamil, respectivamente.

Carro é apreendido na casa de Nadaf (Atualizada às 17h50)

Uma Range Rover Evoque Si4 branca foi apreendida na casa do ex-secretário Pedro Nadaf.

O veículo foi levado por um agente ao pátio da Delegacia Fazendária (Defaz).

As buscas na casa do ex-governador Silval Barbosa, no Jardim das Américas, em Cuiabá, foram encerradas por volta das 18h30. Os agentes levaram do local apenas documentos e computadores.

O delegado Lindomar Toffoli se recusou a dar mais informações sobre a operação, se limitando a informar que cumpria apenas os mandados de busca e apreensão no apartamento.

Os advogados de Silval, Valber Melo e Ulisses Rabaneda, alegaram que ainda não tiveram acesso ao mandado de prisão do ex-governador e que devem se manifestar somente após tomarem conhecimento do processo.

Eles também informaram que tentaram contato com o ex-governador, mas que, até o momento, não tiveram suas ligações retornadas e, por isso, não sabem qual é a sua localização atual.

Ex-secretário chega à Defaz (Atualizada às 18h40)

Preso no início da tarde, em sua casa, o ex-secretário de Estado de Fazenda, Marcel de Cursi, chegou por volta das 18h30 na Defaz, acompanhado da delegada Alexandra Fachone e de agentes da Polícia Civil, onde deverá prestar depoimento.

Já Pedro Nadaf, que foi o primeiro a ser preso, já se encontrava na delegacia desde o início da tarde. Ele foi detido quando estava na Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

Ex-mulher e filho de Nadaf depõem (Atualizada às 19h20)

Cibele Bojikian e o filho de Nadaf, Pedro Jamil, já prestaram depoimento à delegada Cleibe Aparecida de Paula.

Eles deixaram a sede da Defaz por volta das 19h20, acompanhados de um advogado, mas se recusaram a falar com a imprensa.

Ex-secretários prestam depoimento (Atualizada às 19h50)

Os ex-secretários Pedro Nadaf e Marcel de Cursi estão prestando depoimento na Delegacia Fazendária e, na sequência, serão encaminhados ao Instituto de Medicina Legal (IML), onde passarão por exame de corpo de delito antes de serem encaminhados ao Centro de Custódia da Capital.

Lá, segundo informações da Polícia, ambos serão mantidos em celas separadas.Esposa de Nadaf deixa a Defaz (Atualizada às 20h15)

A atual esposa do ex-secretário Pedro Nadaf, Geisiane Antello, deixou a Delegacia Fazendária por volta das 20h.

Ela também não conversou com a imprensa.
Ex-assessora de Nadaf deixa a delegacia
A ex-assessora do ex-secretário Pedro Nadaf, Karla Cecília de Oliveira Cintra – que teve cumprido contra si um mandado de medidas cautelar restritiva (monitoramento eletrônico) – deixou a delegacia por volta das 20h30.

Segundo informações não oficiais, Pedro Nadaf foi o primeiro a prestar depoimento nesta tarde.

No entanto, os depoimentos colhidos das testemunhas posteriormente teriam sido contraditórios a sua versão dos fatos, razão pela qual ele deve ser novamente interrogado.

PM faz “rondas” à procura de Silval (Atualizada às 21h55)

A presença de policiais nas regiões próximas à residência do ex-governador Silval Barbosa é constante neste momento.

Segundo moradores da região, policiais militares e das Rondas Ostensivas Tático Móveis (Rotam) estão fazendo rondas e, em alguns casos, abordando motoristas em bairros como Boa Esperança e Jardim das Américas.

Movimentação na Defaz diminui (Atualizada às 22h15)

São poucos os agentes que continuam na Delegacia Fazendária, neste momento.

Muitos já foram dispensados e a informação é de que continuam no interior da delegacia apenas os dois ex-secretários presos, os delegados responsáveis pela condução do inquérito e alguns agentes, que participam dos interrogatórios.

Imprensa aguarda fim de depoimentos (Atualizada às 22h30)

Alguns jornalistas e fotógrafos anda aguardam, na Delegacia Fazendária, pelo fim dos depoimentos de Pedro Nadaf e Marcel de Cursi.

Ambos estão sendo ouvidos simultaneamente, em salas separadas. Ao final dos depoimentos, serão encaminhados ao IML e ao Centro de Custódia da Capital.

Defesa de Silval teria entrado com HC (Atualizada às 22h50)

Informações preliminares dão conta de que a defesa de Silval Barbosa teria entrado com um pedido liminar, em habeas corpus, no plantão do Tribunal de Justiça de Mato Grosso. A desembargadora Cleuci Chagas seria a plantonista.

A operação

As investigações apontam que o suspeitos teriam montado um esquema criminoso de corrupção e lavagem de dinheiro, em 2013 e 2014, relacionado à concessão de incentivos fiscais, por meio do Estado, através do Prodeic (Programa de Desenvolvimento Industrial e Comercial de Mato Grosso).

O nome da operação é uma referência à cidade de Sodoma, que foi destruída em razão dos elevados níveis de corrupção praticada pelos seus moradores.

[Best_Wordpress_Gallery id=”29″ gal_title=”Polícia Civil cumpre 11 mandados de busca e apreensão”]

Fonte: Do Mídia News

About The Author
newsmt