Você está lendo:
Quadrilha que usava mulheres para roubar caminhonetes é presa em Pontes e Lacerda
0

Quadrilha que usava mulheres para roubar caminhonetes é presa em Pontes e Lacerda

by Radio Tangarásetembro 16, 2016

quadrilha-que-usava-mulheres-para-roubar-caminhonetes-e-presa-em-pontes-e-lacerda

Dois homens e uma mulher foram presos em flagrante, na companhia de duas adolescentes apreendidas, acusados de integrarem uma quadrilha envolvida em roubos de caminhonetes e tráfico de drogas, no município de Pontes e Lacerda (448 km a Oeste de Cuiabá). As prisões e apreensões aconteceram na quarta-feira e quinta-feira (14 e 15.09), durante investigações da Delegacia da Polícia Judiciária Civil local.

A quadrilha promovia roubos de veículos que eram levados para a Bolívia e lá trocados por entorpecente. Dois membros, Rosildo Martins de Jesus, apontado como líder da organização e atravessador de veículos na fronteira, e Bruno Ribeiro Pereira, estão foragidos na Bolívia. Bruno Ribeiro saiu da cadeia há cerca de 10 dias e novamente já se envolveu em novo crime.

Estão presos em flagrante, Everson Victor Conceição Carvalho, Claudovino Serafim Avelar e Leidiane Sousa Borges, que atraiu a vítima do último assalto. Além das menores F.F.S., 14 anos, e M.F.M, 16 anos, ambas informantes e também iscas da quadrilha. Os maiores vão responder por roubo e tráfico de drogas e as menores por ato infracional análogo aos mesmos delitos.

Nas buscas, os policiais apreenderam na residência da menor de 16 anos, que é namorada Claudovino Divino, 1,6 kg de maconha. A adolescente assumiu a posse da droga.

Nesta semana, a quadrilha roubou uma caminhonete S10 branca, na cidade de Pontes e Lacerda. A vítima foi atraída por Leidiane, já que eram conhecidos. A moça marcou um encontro com a vítima e enquanto estava com ela passou a enviar mensagens aos comparsas, avisando o momento certo de agirem. Quando o amigo foi deixar a suspeita em sua casa, ela pediu para ele ficar mais um pouco, já com a intenção de ganhar tempo para que os comparsas chegassem.

Pouco tempo depois, armados, os suspeitos Bruno e Claudiovino, se aproximaram em uma motocicleta da caminhonete e renderam a vítima e Leidiane, que até então era também vítima da quadrilha. Os dois foram levados para um cativeiro, permanecendo vigiados, por cerca de uma hora, até que Bruno chegasse com a caminhonete na Bolívia, acompanhado de Rosildo Martins.

O investigador Paulo Suady Ferreira Vieira, da Delegacia de Pontes e Lacerda, informou que havia muitas contradições na entrevista feita com a suposta vítima, Leidiane, e a partir daí passaram a desconfiar que ela também integrava a quadrilha. “Numa entrevista simples ela acabou confessando a participação devido às contradições”, disse.

Os suspeitos tem histórico no crime. Conforme o policial, há cerca de dois meses, a mulher do criminoso Rosildo Martins de Jesus, morreu em acidente de veículo, quando tentava levar para Bolívia um automóvel Voyage, roubado na região metropolitana de Cuiabá.

Rosildo Martins, assim como os demais membros do bando, tem antecedentes criminais. Ele, na semana passada, chegou a ser preso por receptação de veiculo. Pagou fiança e foi posto em liberdade.

A caminhonete não foi recuperada.

Boca de Fumo

Na quinta-feira (15.09), os policiais desarticularam outro ponto de distribuição de droga (boca de fumo), em Pontes e Lacerda. O local, que ficava no centro da cidade, era comandado por Wenderson Queiroz Antonio, 20, que foi preso em flagrante com cerca de 2 kg de drogas, entre maconha, cocaína e crack. Ele já tem passagem por roubo e receptação e foi autuado por tráfico de drogas.

Na residência, ainda foram apreendidos uma balança de precisão, TV Led, celular e uma caderneta da venda de drogas. O suspeito tem passagem pelo mesmo crime, tendo sido preso há cerca de 90 dias.

About The Author
Radio Tangará